Topo

Futebol


Perto de jogo decisivo, zagueiro pede 'postura diferente' ao Atlético-PR

Getty Images
Imagem: Getty Images

Do UOL, em São Paulo

2015-04-23T13:49:53

23/04/2015 13h49

Uma mudança de postura. É isso que o experiente zagueiro Gustavo espera do Atlético-PR nesta reta final de ‘torneio da morte’. O time visita o Prudentópolis no próximo sábado, fora de casa, às 18h30, e pode enfim confirmar a permanência na elite do futebol estadual em caso de vitória, em jogo que marcará a estreia do técnico Milton Mendes no comando rubro-negro.

“Precisamos ter uma postura diferente, porque esta camisa tem tradição e o Atlético é muito grande. Precisamos fazer nosso melhor. Só a vitória nos interessa. Vamos com respeito ao adversário, mas temos que fazer o nosso resultado. Equipe aguerrida, com raça: este espírito temos que ter no sábado”, afirmou Gustavo, um dos líderes do atual grupo do Atlético-PR.

O zagueiro de 33 anos que chegou ao Atlético-PR no ano passado ainda falou sobre a chegada do novo técnico, contratado para substituir Enderson Moreira, demitido após oito jogos na última segunda-feira. Nesta quinta-feira ele realizou seu terceiro treino com a equipe.

“Temos que trabalhar muito, entregar-se. A chegada do Milton, que tem esse perfil de cobrar, vai agregar. Cada um tem que assumir a responsabilidade, saber que o Atlético é muito grande e fazer um futebol convincente, propondo o jogo”, acrescentou o zagueiro.

“O Milton é uma pessoa que quer crescer junto com o grupo. É muito disciplinador, cobra muito, mas é amigo fora de campo. Foi pouco tempo, mas deu para perceber isso. Queremos crescer juntos e conseguir já esta vitória no sábado”, completou Gustavo.

Com sete pontos em quatro jogos no quadrangular de descenso, o Atlético-PR precisa de mais uma vitória nas próximas duas partidas, contra Prudentópolis ou Nacional, para evitar o rebaixamento para a segunda divisão do Estadual.

Mais Futebol