Após erros no Paranaense, auxiliares são afastados por tempo indeterminado

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/Site oficial da Federação Paranaense de Futebol

    Decisão foi anunciada nesta segunda-feira no site da Federação Paranaense

    Decisão foi anunciada nesta segunda-feira no site da Federação Paranaense

A Comissão de Arbitragem da Federação Paranaense de Futebol (FPF) resolveu afastar por tempo indeterminado os assistentes Luiz Henrique de Souza Santos e Marcos Rogério da Silva das escalas de árbitros. O comunicado foi divulgado nesta segunda-feira no site da FPF, justificando que o afastamento acontece "em virtude dos equívocos cometidos na 7ª rodada do Campeonato Paranaense".

Marcos Rogério da Silva errou duplamente em um lance que gerou bastante reclamação por parte do Coritiba, na derrota de 2 a 1 para o PSTC, no último domingo.

Ainda no primeiro tempo, Amaral arriscou chute, a bola pegou no travessão e entrou, ultrapassando a linha; além dele não ter marcado o gol no momento, ele errou também na sequência ao marcar impedimento de Leandro, que pegou o rebote e completou para as redes.

Já Luiz Henrique de Souza Santos acabou sendo decisivo para a vitória de 1 a 0 do Foz do Iguaçu sobre o Londrina, ocorrida no sábado. Nos acréscimos do segundo tempo, Bruno Batata aproveitou rebote de uma bicicleta do companheiro e, em posição legal, mandou para as redes. Seria o gol de empate, mas o assistente anulou.

Com a derrota, o terceiro colocado Coritiba estacionou nos 11 pontos e ficou a sete de distância do líder Paraná. Já o Londrina parou nos sete pontos e caiu para o sétimo lugar.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos