Pratas da casa celebram melhor Atlético-PR "alternativo" em seis anos

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL

  • Assessoria de Imprensa/Futpress

    Zé Ivaldo (D) e Cascardo: melhor início de Estadual com equipe alternativa

    Zé Ivaldo (D) e Cascardo: melhor início de Estadual com equipe alternativa

Desde que decidiu colocar times alternativos em campo no Paranaense, em 2013, o Atlético não tinha um início tão positivo de temporada. A exceção foi 2016, quando o então técnico Paulo Autuori colocou em campo o elenco principal desde a primeira rodada. Neste ano, os "aspirantes" do Furacão – um time de pratas da casa com reforços pontuais experientes – lidera com folga o Grupo B, venceram o Coritiba fora de casa e podem assegurar a vaga para as semifinais do primeiro turno, com mando de campo em jogo único, se baterem o Cascavel neste sábado, 16h30, no interior do Paraná.

Dois destes pratas da casa são o lateral-direito Gustavo Cascardo e o zagueiro Zé Ivaldo. O último já chegou a jogar pelo time principal na Libertadores da América em 2017, mas, ao lado do colega, foi colocado no elenco aspirante comandado por Tiago Nunes. Formam a melhor defesa da competição até aqui, ao lado do goleiro Santos, do lateral-esquerdo Renan Lodi (outros dois pratas da casa) e do experiente zagueiro Emerson.

"Eu e o Zé somos bem parceiros, além de jogar do mesmo lado no jogo, a gente divide o quarto na concentração também, então o entrosamento é o melhor possível", contou Cascardo sobre o colega com quem subiu ao profissional na temporada passada. Cascardo atuou em 21 partidas pelo clube, incluindo jogos pelo Brasileirão. "O Cascardo é um grande amigo, e estamos formando uma parceria muito forte dentro de campo. O grupo todo está de parabéns. Em cada jogo que disputo pelo Atlético, tento fazer o máximo para ajudar, lutando para que a equipe não sofra gols", completou Zé Ivaldo, que atuou em 20 partidas em 2017.

Se vencer, o Atlético assegura o primeiro lugar do Grupo B, com direito a jogar em casa a partida semifinal da Taça Dionísio Filho. De quebra, caso o Foz não vença o União, poderá assegurar a primeira colocação geral, o que garante também a final na Arena, caso avance. A classificação pode chegar até mesmo com derrota: basta que o Cianorte ao menos empate com o Toledo, em casa. O primeiro lugar do grupo, porém, dependeria de uma derrota do Londrina para o Coritiba no Estádio do Café, restando ainda uma outra rodada a ser disputada nessa fase.

CASCAVEL X ATLÉTICO-PR

Data: 10 de fevereiro de 2018, sábado
Horário: 16h30 (de Brasília)
Motivo: 5ª rodada do Campeonato Paranaense
Local: Estádio Olímpico Regional, em Cascavel (PR)

Árbitro: Paulo Roberto Alves Júnior
Auxiliares: Jefferson Cleiton Piva da Silva e Luiz Paulo Galli

Cascavel: Vinicius; Líbano, Danilo, Junior Fell e Elivelton; Xaves, Vinicius Hess, Dinelson e Weverton; Tocantins e Afonso. Técnico: Milton do Ó.
Atlético-PR: Santos; Gustavo Cascardo, Emerson (Léo Pereira), Zé Ivaldo e Renan Lodi; Deivid, Bruno Guimarães (Guilherme Rend) e João Pedro; Giovanny (Demethryus), Felipe Dorta (Yago) e Ederson.   Técnico: Tiago Nunes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos