Técnico do Coritiba defende "laboratório positivo" no Estadual após derrota

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL

  • Reprodução/TV Coxa

    Forner afirmou que Estadual foi positivo como laboratório para a Série B

    Forner afirmou que Estadual foi positivo como laboratório para a Série B

O técnico Sandro Forner valorizou o vice-campeonato paranaense como um "laboratório programado" após a derrota por 2 a 0 do Coritiba para o Atlético-PR. Questionado sobre o desempenho na competição, Forner afirmou que fez o que estava previsto, ainda que lamentasse a perda do título.

"Vou ser repetitivo: nós fizemos aquilo que foi programado desde o começo. Na primeira conversa que eu tive com o presidente, não foi cobrado nem uma vez que fossemos para a final. Era para testar os jogadores da base, testar alguns jogadores que estavam no clube. Desde o início foi essa a proposta", declarou, deixando claro o que é prioridade no clube: "A gente sabe que daqui pra frente, independente de ter tempo ou não, a gente tem que vencer por que são 38 rodadas e a gente precisa agregar esses jogadores que chegaram e ter resultados rápidos."

Sobre o desempenho no Paranaense, Forner analisou: "Muitas coisas foram positivas. Conseguimos ver as posições em que precisamos reforços, conseguimos ver os jogadores da base, um legado importante, por que alguns num primeiro momento não conseguiram dar o que esperávamos, mas será importante daqui pra frente. Lógico que a gente fica bastante triste, queria conquistar o título, mas o que foi combinado, foi feito. Independente do resultado hoje, o objetivo continua o mesmo, se tivéssemos ganho também. A gente sabe o que é preciso para iniciarmos a Série B."

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos