Como Corinthians misto pode ajudar Tite a driblar um de seus 'fantasmas'

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

  • Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

    Maycon escuta Tite em treino na terça-feira: estreia nos profissionais

    Maycon escuta Tite em treino na terça-feira: estreia nos profissionais

Poucos temas incomodam tanto Tite quanto o baixo aproveitamento de jogadores jovens entre os profissionais. Corinthians x Capivariano, nesta quinta-feira, oferece uma possibilidade interessante para o treinador dar sua resposta

O jogo marcado para as 21h (de Brasília) vai marcar a estreia do volante Maycon, 18 anos, entre os profissionais. Com apenas duas semanas de trabalhos entre os jogadores adultos, ele se tornou a grande aposta da diretoria corintiana entre os jovens para 2016. Tudo porque havia sido o principal jogador no vice-campeonato da Copa São Paulo, com seis gols marcados. 

Antes mesmo de completar a participação no torneio Sub-19, o Corinthians já vislumbrava a utilização de Maycon entre os profissionais. De acordo com Tite e o gerente de futebol Edu Gaspar, a decisão de emprestar Marciel para o Cruzeiro em troca de Willians foi tomada, entre outros motivos, porque havia outro jogador da mesma posição que pedia passagem. Era exatamente o garoto que estreia nesta noite. 

Internamente, a decisão de ceder um dos jogadores mais promissores ao Cruzeiro rendeu muitas críticas ao Corinthians e a Tite. Em especial, porque a justificativa para liberar Marciel foi a perspectiva de ter mais minutos em campo pelo novo clube. No entanto, a equipe mineira adquiriu outros atletas mais rodados para a posição, como o argentino Romero. Hoje, há oito volantes no elenco cruzeirense. 

Maycon, por sua vez, aproveita bem o pouco tempo nos profissionais. Ele se impressionou com a intensidade dos trabalhos em campo no Corinthians em relação ao que estava acostumado a vivenciar na base, mas em ótima condição física conseguiu uma adaptação rápida. A concentração dele nas atividades foi elogiada publicamente por Tite. A aposta é que possa reproduzir isso diante do Capivariano, ao lado dos também estreantes como titulares Willians e Guilherme no meio.

O sucesso dele entre os adultos ajudaria a evitar, de certa forma, que o Corinthians pudesse viver um novo caso Marquinhos na troca que levou Marciel ao Cruzeiro. A ideia de que acelerou o processo de saída do zagueiro para a Roma, em 2013, incomoda Tite. O negócio é considerado desastroso do ponto de vista financeiro e esportivo, já que se trata atualmente de um dos jovens mais bem cotados na Europa. Por ele, o Corinthians ganhou cerca de R$ 10 milhões um ano antes de ser vendido novamente por R$ 100 milhões ao PSG-FRA. 

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS x CAPIVARIANO
 
Data: 11/02/2016
Horário: 21h (horário de Brasília)
Competição: Campeonato Paulista (3ª rodada)
Local: Arena Corinthians, em São Paulo
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho e Anderson Jose de Moraes Coelho
 
CORINTHIANS: Cássio, Edilson, Felipe, Vilson e Uendel; Willians; Romero, Maycon, Guilherme e Marlone; Danilo. Treinador: Tite.
 
CAPIVARIANO: Pedro Henrique; Oliveira, Bonfim, Leandro Silva e Marlon; Júlio César, Samuel Souza, Maguinho e Kleiton Domingues; Carlão e Rodolfo. Treinador: Evaristo Piza. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos