Dorival ainda espera zagueiro, mas elogia "resposta positiva" de novato

Do UOL, em São Paulo

A defesa é o setor mais carente do elenco do Santos neste início de temporada. Os titulares Gustavo Henrique e Lucas Veríssimo são os únicos zagueiros que Dorival Júnior tem relacionado nos últimos jogos. Ao menos uma contratação para compor o elenco é algo que o treinador deseja que aconteça o quanto antes, mas ele tomou o cuidado para não criticar a dupla que tem entrado em campo depois dos três gols sofridos diante do Novorizontino no sábado.

"Espero que chegue o quanto antes, seria até fundamental que já estivesse conosco, mas estamos no aguardo", afirmou Dorival. "Enquanto isso, a zaga vem trabalhando e melhorando. Foi só a quarta partida dos dois juntos. Precisamos ter calma. Um deles é um garoto que está conhecendo uma nova fase da carreira e vem dando uma resposta positiva. É preciso ter tranquilidade com ele, porque daí o próprio rendimento da dupla vai acabar aumentando."

O garoto ao qual ele se refere é Lucas Veríssimo, que tem 21 anos e só passou a ser utilizado no Santos nesta temporada. Em 2015, ele até chegou a ser relacionado no Campeonato Brasileiro, mas não entrou em campo. 

Não é só pelo voto de confiança do treinador e pela ausência de contratações para o setor que Lucas continuará tendo oportunidades para se desenvolver. O que também o favorece neste sentido é a impossibilidade de contar com David Braz, que se recupera de uma lesão na coxa esquerda que sofreu no final da temporada passada.

"Ele ainda está longe de voltar", disse Dorival. "Para ter condição de trabalhar com bola, eu imagino que demore ainda pelo menos mais uns 20 dias. Mas nem contamos com ele para as próximas seis ou sete partidas. Até porque quero que ele se recupere bem e tenha tempo para uma pré-temporada", finalizou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos