"Não temos de crucificar o Lucão", defende Bauza após falha do zagueiro

Do UOL, em São Paulo

O gol que abriu caminho para a vitória do Corinthians sobre o São Paulo neste domingo nasceu de um erro de Lucão, que recuou mal a bola para o goleiro Denis e acabou presenteando Lucca, que não teve trabalho de empurrar para as redes. Apesar da falha em um lance decisivo, o técnico Edgardo Bauza saiu em defesa do zagueiro.

"Não temos de crucificar o Lucão e a torcida não deve cair sobre ele", afirmou o treinador são-paulino, em entrevista coletiva após o jogo. "Todo mundo erra. Ele teve o azar de o erro dele resultar em gol do rival. Mas é um jovem com muito futuro na minha opinião, e esse tipo de coisa vai ajudá-lo a crescer. Estou seguro disso", completou.

Denis também evitou responsabilizar Lucão pela derrota. "Não estou aqui para apontar o erro de ninguém. Tinha de ter comunicação ali. Eu gritei, mas acho que ele não ouviu, e nem tem como ouvir mesmo em um estádio tão cheio. Aí ele acabou tocando a bola dentro da área, mas não devemos culpar ninguém. Temos de trabalhar para não errarmos mais", declarou o goleiro, em entrevista à Globo.

Depois de sofrer o primeiro gol, o São Paulo até teve algumas chances para empatar. Mas o cabeceio de Yago nos minutos finais acabou com qualquer esperança do São Paulo de arrancar ao menos um ponto em Itaquera. 

"Fico triste porque a nossa equipe não fez partida ruim. Mas acabou ganhando quem tem em um grupo com tempo maior de trabalho", avaliou Bauza.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos