Zagueiro do Palmeiras evita salto mortal em comemoração: 'diretoria proíbe'

Do UOL, em São Paulo

O zagueiro Vitor Hugo abriu o placar para o Palmeiras contra o XV de Piracicaba na vitória por 4 a 1 da equipe e evitou comemorar com um salto mortal, como habitualmente faz. Segundo ele, a diretoria do clube alviverde poderia multá-lo.

"A diretoria diz que vai descontar do meu salário se eu colocar em risco minha integridade física, poderia torcer o tornozelo. Fui comemorar com o grupo, estamos fechados. Agora é concentrar para sair com a vitória", disse o zagueiro.

O primeiro gol do Palmeiras foi marcado aos 41 minutos da etapa inicial, após Vitor Hugo desviar de cabeça um cruzamento de Robinho. Com o resultado parcial, o time alviverde retoma a liderança do Grupo B, com nove pontos, um a mais que o Ituano.

 

Como foi o jogo

  • Primeiro tempoO primeiro lance de perigo foi do Palmeiras, que quase conseguiu concluir ao gol depois de uma tabela entre Egídio e Gabriel Jesus. Aos quatro minutos, Robinho serviu Alecsandro, que bateu em cima de Julinho. Dez minutos depois, o time da casa chegou na área palmeirense e quase conseguiu finalizar. No lance, Julinho acabou desarmado por Lucas no momento da conclusão. O XV voltou a assustar logo em seguida, mas viu Robinho travar o chute de Daniel. Aos 19, Gerson Magrão bateu cruzado e quase abriu o placar. Rivaldinho, em seguida, arriscou de longe e mandou para fora. O Palmeiras voltou a assustar aos 35 minutos, com Dudu, que bateu colocado da entrada da área. A bola, porém, passou rente à trave esquerda. Aos 41, o time alviverde saiu na frente, com Vitor Hugo. No lance, o zagueiro desviou de cabeça um cruzamento de Robinho.
  • Segundo tempoO Palmeiras deu início à etapa final com mais um gol marcado. Logo na primeira descida, Lucas tocou para Dudu. O camisa 7 lançou na frente para Alecsandro, que cruzou para Gabriel Jesus só empurrar para o gol. O XV de Piracicaba, porém, não se intimidou e descontou aos cinco minutos, em chute de longe de Rivaldinho -- a bola desviou no zagueiro Vitor Hugo e encobriu Fernando Prass. Aos 11 minutos, o time da casa quase empatou. Fábio completou cruzamento de cabeça e mandou por cima do gol. O Palmeiras, no entanto, conseguiu ampliar aos 16, com Alecsandro, que aproveitou o erro defensivo do XV para bater da entrada da área e deixar o dele. Quatro minutos depois, Robinho lançou Gabriel Jesus na frente. O camisa 33 bateu de longe e conseguiu encobrir o goleiro do XV para marcar o quarto gol palmeirense. No minuto final, Prass ainda evitou o segundo gol do XV ao espalmar uma bola à queima-roupa.

Destaques

  • Série negativa interrompidaO Palmeiras voltou a vencer depois de uma série de cinco jogos, com quatro empates e uma derrota. A última vitória havia sido conquistada no dia 31 de janeiro, contra o Botafogo.

Melhores

  • Gabriel Jesus, PalmeirasO atacante do Palmeiras passou o primeiro tempo apagado, mas se redimiu em grande estilo ao marcar dois gols, um deles de cobertura.
  • Robinho, PalmeirasO camisa 27, que jogou recuado no meio-campo, deu duas assistência na partida e chegou a cinco na temporada. O meia ainda pressionou a saída de bola no gol marcado por Alecsandro.

Piores

  • Lucas, PalmeirasMais uma partida ruim do lateral direito. Sem apoio no ataque e com muito espaço na defesa, Lucas, que já tinha cartão amarelo, acabou substituído.

Melhores notas

  • XV de Piracicaba-SP
  • Palmeiras
Avaliação
dos usuários
do Placar UOL
5
6,3
Gerson Magrão
7
8,6
Arouca
 
2
6,0
Bruno Brígido
2
8,2
Fernando Prass

Próximos Jogos - Palmeiras

  1. Palmeiras PAL
    Chapecoense CHA
  2. Palmeiras PAL
    São Paulo SPA
  3. Atlético-MG CAM
    Palmeiras PAL
  4. Palmeiras PAL
    Coritiba CTB
  5. Fluminense FLU
    Palmeiras PAL

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos