Palmeiras leva gol nos acréscimos e perde por 2 a 1 para a Ferroviária

Do UOL, em São Paulo

O Palmeiras voltou a perder no Campeonato Paulista, na tarde deste domingo (28), em jogo no Allianz Parque. Desta vez a algoz foi a Ferroviária, que venceu por 2 a 1 com um gol nos acréscimos. O meio-campista Fernando Gabriel de falta, com ajuda de Fernando Prass – que deixou a bola entrar em cobrança no seu canto - abriu o placar. O "atacante-talismã" Cristaldo empatou, mas no fim Rafinha garantiu o triunfo para os visitantes.

Vindo de goleada sobre o XV de Piracicaba, o Palmeiras parecia ter espantado a má fase, mas não foi o que aconteceu. Com o resultado, segunda derrota no Campeonato Paulista, ficou estacionado nos nove pontos, o mesmo que a Ponte Preta e apenas um a mais que o Ituano, que tem um jogo a menos no torneio. A liderança do grupo B está ameaçada.

O time de Marcelo Oliveira voltará a campo pelo estadual no próximo domingo (06), pela 8ª rodada, outra vez no Allianz Parque, contra o Capivariano. Antes disso, tem compromisso pela Libertadores: quinta-feira (03), também em casa, contra o Rosário Central-ARG.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 1 X 2 FERROVIÁRIA

Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Data: 28 de fevereiro de 2015, domingo
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Thiago Duarte Peixoto
Assistentes: Miguel Cataneo Ribeiro da Costa, Rogério Zanardo
Público: 18.413
Renda: R$ 985.923,80
Cartões amarelos: Robinho (Palmeiras); Marcão, Rafael Miranda e Tiago Adan (Ferroviária)
Gols: Fernando Gabriel (Ferroviária, 40' do 1º tempo) e Rafinha (Ferroviária, 48' do 2º tempo); Cristaldo (Palmeiras, 17' do 2º tempo)

PALMEIRAS: Fernando Prass; Lucas, Roger Carvalho, Vitor Hugo e Zé Roberto; Thiago Santos, Jean (Rafael Marques) e Robinho; Gabriel Jesus (Erik), Dudu e Alecsandro (Cristaldo).
Treinador: Marcelo Oliveira

FERROVIÁRIA: Rodolfo, Juninho, Wanderson, Marcão e Thallyson; Renato Xavier, Rafael Miranda, Fernando Gabriel (Rossetto) e Wescley (Danielzinho); Samuel (Rafinha) e Tiago Adan. Técnico: Sérgio Vieira
Treinador: Sérgio Vieira

Fases do jogo

  • Primeiro tempoO Palmeiras começou melhor a partida, com duas chances de gol em 7 minutos: Alecsandro, livre na área, desviou chute torto de Jean e quase balançou a rede. Logo depois, o mesmo Jean recebeu cruzamento rasteiro de Zé Roberto e soltou o pé de primeira, lance em que o goleiro Rodolfo fez bela defesa. Mas a organização de jogo do clube do interior de São Paulo "engoliu" o alviverde. Com quase 61% de posse de bola na etapa inicial, controlou o duelo e merecidamente chegou ao tento, aos 40, em cobrança de falta do meio-campista Fernando Gabriel, no canto de Fernando Prass.
  • Segundo tempoO segundo tempo teve início como o primeiro, com domínio da Ferrinha, que poderia ter aumentado a vantagem aos 15 minutos, mas Prass fez defesa difícil em chute cara a cara com Tiago Adan. Foi quando Marcelo Oliveira lançou mão do seu "banco de luxo": aos 16, colocou Rafael Marques e Cristado - no minuto seguinte, com assistência do primeiro e finalização do argentino, o alviverde chegou ao empate. Desde a igualdade, o jogo esfriou. Aos 48, quando o jogo parecia caminhar para a igualdade, Rafinha invadiu a área livre e fechou a conta, com toque por cima de Fernando Prass.

Destaques

  • 50 vezes Marcelo O treinador do Palmeiras, Marcelo Oliveira, chegou neste domingo ao seu 50º jogo no comando do clube. O título da Copa do Brasil foi sua principal conquista no período, mas os números não são tão bons para ele, que agora soma 22 vitórias, 11 empates e 17 derrotas. Aproveitamento de 51,3% dos pontos.
  • A proposta da FerrinhaComandada pelo português Sérgio Vieira, a Ferroviária tem proposta de jogo, independentemente do adversário, de manter a posse de bola para atacar nos momentos oportunos. No primeiro tempo contra o Palmeiras, fora de casa, o time do interior somou 61% de posse de bola, e até Robinho, meia do alviverde, reconheceu: "Estamos marcando, mas não estamos jogando. Falta ficar mais com a bola". A posse de bola diminui para 59% na segunda metade.
  • Robinho está fora do próximoAos 31 minutos do segundo tempo, Robinho recebeu cartão amarelo por falta no meio de campo. Acumulou, portanto, três advertências na competição e está fora do duelo da 8ª rodada, contra o Capivariano, no próximo domingo (6 de março). Para o jogo do dia 3 contra o Rosário Central, pela Libertadores, ele está liberado.

Melhores

  • Cristaldo , PalmeirasO argentino não é um primor técnico, mas tem estrela. Ele entrou aos 16 minutos do segundo tempo, no lugar de Alecsandro. Aos 17, no seu primeiro toque na bola, balançou a rede. A despeito do esforço do "talismã", o alviverde perdeu por 2 a 1.

Piores

  • Fernando Prass, PalmeirasFernando Prass já salvou o Palmeiras em outras oportunidades, mas no jogo deste domingo foi o "vilão" da equipe. Fernando Gabriel, da Ferroviária, cobrou falta - infração desnecessária cometida por Gabriel Jesus - no canto do goleiro, que deu um passo para trás da barreira e não conseguiu voltar a tempo para fazer a defesa.

Melhores notas

  • Palmeiras
  • Ferroviária-SP
Avaliação
dos usuários
do Placar UOL
1
6,0
Cristaldo
5
8,6
Fernando Gabriel
 
2
5,5
Fernando Prass
6
8,3
Danielzinho

Próximos Jogos - Palmeiras

  1. Palmeiras PAL
    Chapecoense CHA
  2. Palmeiras PAL
    São Paulo SPA
  3. Atlético-MG CAM
    Palmeiras PAL
  4. Palmeiras PAL
    Coritiba CTB
  5. Fluminense FLU
    Palmeiras PAL

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos