R. Oliveira afasta desconfiança e supera dois centroavantes do Corinthians

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

O atacante Ricardo Oliveira afastou qualquer desconfiança em relação ao seu desempenho após a frustrada negociação com o futebol chinês. O camisa 9 deixou sua insatisfação com o presidente do Santos, Modesto Roma, e companhia, fora de campo, e fez mais em campo do que os dois centroavantes utilizados pelo Corinthians no clássico deste domingo, na Vila Belmiro.

Ricardo Oliveira terminou o clássico com 100% de aproveitamento no quesito finalizações. O camisa 9 finalizou duas vezes e marcou os dois gols do Santos na vitória por 2 a 0 contra o arquirrival. O primeiro foi marcado após rebote de Cássio e, o segundo, em uma "cavada" na saída do goleiro corintiano.

Além disso, o centroavante brigou bastante em campo, dividiu bolas com os defensores, saiu da área para armar as jogadas e até "mexeu" com a sua torcida, pedindo vibração em algumas jogadas.

"A gente fez por merecer, tivemos muita posse de bola. Eu tive no momento certo e na hora certa para ajudar o time", afirmou Ricardo Oliveira.  

Os centroavantes do Corinthians tiveram atuações apagadas e não acertaram um finalização sequer. Luciano realizou o seu primeiro jogo como titular após a cirurgia no joelho direito realizada há seis meses e decepcionou. O atacante só chamou a atenção em campo ao ficar impedido duas vezes.

Além disso, Luciano "jogou de zagueiro" e atrapalhou o seu time de empatar o jogo quando o Santos vencia por 1 a 0. Mal posicionado na área, o atacante viu a bola bater em suas costas em uma boa finalização de Bruno Henrique.

Aos 22 minutos da etapa final, Tite tirou Luciano para a entrada de André. O atacante revelado no Santos não finalizou a gol e só apareceu na partida ao marcar um falta de ataque.

Ricardo Oliveira, artilheiro do Campeonato Paulista e do Campeonato Brasileiro do ano passado, chegou a três gols na competição. O camisa 9 está a três dos artilheiros do Paulistão - Rodrigo Andrade, do Audax, e William Potker, do Linense, que marcaram seis gols.

Luciano, por sua vez, ainda não balançou as redes nesta temporada. Já André marcou apenas um gol com a camisa do Corinthians, no empate por 1 a 1 diante do São Bento.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos