Com o time misto, Corinthians passa fácil pelo Botafogo-SP e volta a vencer

Do UOL, em São Paulo

Depois de derrotas para Santos e Cerro Porteño nos últimos dias, o Corinthians se reencontrou com a vitória neste domingo. Com uma escalação recheada de reservas, o time de Tite não teve problemas para vencer o Botafogo por 3 a 0 em Ribeirão Preto.

Dos 11 titulares diante do Cerro Porteño na quarta-feira, pela Libertadores, só quatro jogadores começaram o jogo contra o Botafogo-SP neste domingo: o lateral Uendel, os meias Giovanni Augusto e Guilherme e o zagueiro Felipe, que abriu o placar no primeiro tempo. Danilo e Maycon marcaram os outros dois gols. 

Mesmo sem alguns dos seus principais jogadores, o Corinthians não teve problemas para dominar a partida. O time soube aproveitar as chances que criou com a bola nos pés, principalmente pelas laterais do campo, e se segurou bem contra as investidas do mandante. 

Além de representar uma recuperação para o Corinthians, o resultado em Ribeirão Preto recoloca o time na liderança geral do Campeonato Paulista. Agora com 20 pontos em nove rodadas, o time volta a ultrapassar o Santos, que tem 18. Já o Botafogo-SP permanece em quarto lugar no Grupo A, com dez pontos.

Agora o Corinthians volta novamente as atenções para a Libertadores. Na quarta-feira, o time receberá o Cerro Porteño, pela quarta rodada da fase de grupos da competição continental. Pelo Paulista, o próximo compromisso será no sábado, também dentro de casa, contra o Linense. Também no sábado, o Botafogo visitará o Água Santa.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 0 X 3 CORINTHIANS

Local: estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP)
Data: 13 de março de 2015, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis e Luis Alexandre Nilsen
Cartões amarelos: Danilo Bueno, Mirita (Botafogo-SP)
Gols: Felipe (Corinthians), aos 18 do 1º tempo; Danilo (Corinthians), aos 3 do 2º tempo; Maycon (Corinthians), aos 20 do 2º tempo 

BOTAFOGO: Neneca; Daniel Borges, Caio Ruan, Mirita e Jussandro (Diego Pituca); Moradei, Rodrigo Thiesen, Allan Dias (Serginho) e Danilo Bueno; Diego Campos e Alemão (Nunes) 
Técnico: Márcio Fernandes

CORINTHIANS: Walter; Edílson, Felipe, Balbuena e Uendel; Willians, Giovanni Augusto (Lucca), Maycon, Guilherme (Alan Mineiro) e Danilo; Luciano (Romero)
Técnico: Tite

Fases do jogo

  • Primeiro tempoO Corinthians dominou a posse de bola desde o começo e se lançou ao ataque, usando bastante as bolas levantadas na área para levar perigo à defesa adversária. Foi em uma jogada assim que nasceu o gol que abriu o placar. Após escanteio cobrado por Giovanni Augusto, Felipe subiu de cabeça para finalizar. A bola bateu na defesa, mas ele mesmo aproveitou o rebote e chutou para estufar as redes. Mais chances surgiram para o time visitante ampliar o placar. O goleiro Neneca trabalhou muito bem em algumas delas. O Botafogo-SP também buscou o ataque quando teve a bola nos pés e até articulou boas jogadas, mas os passes paravam na defesa corintiana.
  • Segundo tempoNão deu nem tempo para o Botafogo-SP mostrar alguma coisa diferente na volta do intervalo. Logo aos três minutos, o Corinthians ampliou, usando novamente uma jogada pelo alto. Desta vez, o gol nasceu de uma cobrança de falta da esquerda. Uendel levantou na área, e Danilo desviou. A partir daí, o Corinthians controlou completamente a partida. Até viu o oponente se lançar ao ataque em busca de um gol que pudesse diminuir a diferença, mas soube se segurar e contra-atacar com perigo, com toques rápidos e chegada pelo meio. Em uma destas jogadas, Willians apareceu como surpresa dentro da área e a bola sobrou para Luciano, que obrigou Neneca a fazer grande defesa. Mas o goleiro falhou logo depois em um lance no qual Maycon aproveitou para colocar a bola nas redes.

Destaques

  • Velho ConhecidoUm dos jogadores do time titular do Botafogo-SP já vestiu a camisa do Corinthians. Trata-se do volante Moradei, que defendeu o clube em 2007 e entre 2009 e 2011.
  • 25 anos de invencibilidadeA última vez que o Corinthians perdeu para o Botafogo-SP foi no Paulista de 1991, quando perdeu por 1 a 0 no estádio Santa Cruz. Desde então, os dois times se enfrentaram 20 vezes (já contando o duelo deste domingo). Foram 14 vitórias do Corinthians e seis empates.
  • Série negativaO resultado evitou que o Corinthians chegasse a três derrotas consecutivas, algo que não acontecia havia mais de dois anos. A última vez que o time passou tanto tempo perdendo foi entre os meses de janeiro e fevereiro de 2014, quando perdeu quatro jogos seguidos pelo Paulista.

Melhores

  • Danilo, CorinthiansParticipou muito bem da construção de jogadas do ataque corintiano. Levou muito perigo à defesa do Botafogo-SP, abrindo bastante espaços na marcação, e foi premiado com um gol.

Piores

  • Jussandro, Botafogo-SPDeu muito espaço para o ataque corintiano, que construiu muitas oportunidades de perigo nas suas costas. Não foi à toa que acabou sendo substituído ainda no intervalo.

Próximos Jogos - Botafogo-SP

  1. Botafogo-SP BOT
    Tupi TUP
  2. Tombense-MG TOM
    Botafogo-SP BOT
  3. Botafogo-SP BOT
    Ypiranga-RS YPI

Próximos Jogos - Corinthians

  1. Chapecoense CHA
    Corinthians COR
  2. Corinthians COR
    Atlético-GO ACG
  3. Santos SAN
    Corinthians COR
  4. Corinthians COR
    Racing Club RAC
  5. Corinthians COR
    Vasco VAS

UOL Cursos Online

Todos os cursos