Com o time misto, Corinthians passa fácil pelo Botafogo-SP e volta a vencer

Do UOL, em São Paulo

Depois de derrotas para Santos e Cerro Porteño nos últimos dias, o Corinthians se reencontrou com a vitória neste domingo. Com uma escalação recheada de reservas, o time de Tite não teve problemas para vencer o Botafogo por 3 a 0 em Ribeirão Preto.

Dos 11 titulares diante do Cerro Porteño na quarta-feira, pela Libertadores, só quatro jogadores começaram o jogo contra o Botafogo-SP neste domingo: o lateral Uendel, os meias Giovanni Augusto e Guilherme e o zagueiro Felipe, que abriu o placar no primeiro tempo. Danilo e Maycon marcaram os outros dois gols. 

Mesmo sem alguns dos seus principais jogadores, o Corinthians não teve problemas para dominar a partida. O time soube aproveitar as chances que criou com a bola nos pés, principalmente pelas laterais do campo, e se segurou bem contra as investidas do mandante. 

Além de representar uma recuperação para o Corinthians, o resultado em Ribeirão Preto recoloca o time na liderança geral do Campeonato Paulista. Agora com 20 pontos em nove rodadas, o time volta a ultrapassar o Santos, que tem 18. Já o Botafogo-SP permanece em quarto lugar no Grupo A, com dez pontos.

Agora o Corinthians volta novamente as atenções para a Libertadores. Na quarta-feira, o time receberá o Cerro Porteño, pela quarta rodada da fase de grupos da competição continental. Pelo Paulista, o próximo compromisso será no sábado, também dentro de casa, contra o Linense. Também no sábado, o Botafogo visitará o Água Santa.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 0 X 3 CORINTHIANS

Local: estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP)
Data: 13 de março de 2015, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis e Luis Alexandre Nilsen
Cartões amarelos: Danilo Bueno, Mirita (Botafogo-SP)
Gols: Felipe (Corinthians), aos 18 do 1º tempo; Danilo (Corinthians), aos 3 do 2º tempo; Maycon (Corinthians), aos 20 do 2º tempo 

BOTAFOGO: Neneca; Daniel Borges, Caio Ruan, Mirita e Jussandro (Diego Pituca); Moradei, Rodrigo Thiesen, Allan Dias (Serginho) e Danilo Bueno; Diego Campos e Alemão (Nunes) 
Técnico: Márcio Fernandes

CORINTHIANS: Walter; Edílson, Felipe, Balbuena e Uendel; Willians, Giovanni Augusto (Lucca), Maycon, Guilherme (Alan Mineiro) e Danilo; Luciano (Romero)
Técnico: Tite

Fases do jogo

  • Primeiro tempoO Corinthians dominou a posse de bola desde o começo e se lançou ao ataque, usando bastante as bolas levantadas na área para levar perigo à defesa adversária. Foi em uma jogada assim que nasceu o gol que abriu o placar. Após escanteio cobrado por Giovanni Augusto, Felipe subiu de cabeça para finalizar. A bola bateu na defesa, mas ele mesmo aproveitou o rebote e chutou para estufar as redes. Mais chances surgiram para o time visitante ampliar o placar. O goleiro Neneca trabalhou muito bem em algumas delas. O Botafogo-SP também buscou o ataque quando teve a bola nos pés e até articulou boas jogadas, mas os passes paravam na defesa corintiana.
  • Segundo tempoNão deu nem tempo para o Botafogo-SP mostrar alguma coisa diferente na volta do intervalo. Logo aos três minutos, o Corinthians ampliou, usando novamente uma jogada pelo alto. Desta vez, o gol nasceu de uma cobrança de falta da esquerda. Uendel levantou na área, e Danilo desviou. A partir daí, o Corinthians controlou completamente a partida. Até viu o oponente se lançar ao ataque em busca de um gol que pudesse diminuir a diferença, mas soube se segurar e contra-atacar com perigo, com toques rápidos e chegada pelo meio. Em uma destas jogadas, Willians apareceu como surpresa dentro da área e a bola sobrou para Luciano, que obrigou Neneca a fazer grande defesa. Mas o goleiro falhou logo depois em um lance no qual Maycon aproveitou para colocar a bola nas redes.

Destaques

  • Velho ConhecidoUm dos jogadores do time titular do Botafogo-SP já vestiu a camisa do Corinthians. Trata-se do volante Moradei, que defendeu o clube em 2007 e entre 2009 e 2011.
  • 25 anos de invencibilidadeA última vez que o Corinthians perdeu para o Botafogo-SP foi no Paulista de 1991, quando perdeu por 1 a 0 no estádio Santa Cruz. Desde então, os dois times se enfrentaram 20 vezes (já contando o duelo deste domingo). Foram 14 vitórias do Corinthians e seis empates.
  • Série negativaO resultado evitou que o Corinthians chegasse a três derrotas consecutivas, algo que não acontecia havia mais de dois anos. A última vez que o time passou tanto tempo perdendo foi entre os meses de janeiro e fevereiro de 2014, quando perdeu quatro jogos seguidos pelo Paulista.

Melhores

  • Danilo, CorinthiansParticipou muito bem da construção de jogadas do ataque corintiano. Levou muito perigo à defesa do Botafogo-SP, abrindo bastante espaços na marcação, e foi premiado com um gol.

Piores

  • Jussandro, Botafogo-SPDeu muito espaço para o ataque corintiano, que construiu muitas oportunidades de perigo nas suas costas. Não foi à toa que acabou sendo substituído ainda no intervalo.

Próximos Jogos - Botafogo-SP

  1. Joinville JEC
    Botafogo-SP BOT
  2. Botafogo-SP BOT
    Operário-PR OPE

Próximos Jogos - Corinthians

  1. Corinthians COR
    Botafogo BOT
  2. São Paulo SPA
    Corinthians COR
  3. Corinthians COR
    Cruzeiro CRU
  4. Vasco VAS
    Corinthians COR
  5. Corinthians COR
    Chapecoense CHA

UOL Cursos Online

Todos os cursos