Dorival reclama do Santos, mas elogia "2º tempo perfeito" em Piracicaba

Do UOL, em Santos (SP)

O técnico Dorival Júnior reclamou dos erros de posicionamento do sistema defensivo do Santos no primeiro tempo do jogo contra o XV de Piracicaba, nesta terça-feira, no estádio Barão de Serra Negra, em jogo antecipado da 11ª rodada do Campeonato Paulista. A equipe santista sofreu muita pressão em jogadas aérea do adversário e só não tomou o gol por falta de pontaria do XV.

No entanto, o treinador ressaltou a correção no intervalo e, segundo ele, o segundo tempo perfeito realizado pela equipe santista.

"Foram dois lances (1º tempo), sempre tinha um homem solto na área. Erro de posicionamento, depois foi corrigido. O mal posicionamento na primeira etapa que acusou esta situação, mas depois arrumamos. Fomos perfeitos no segundo tempo. Só teve bolas aéreas, a poça segurava. Perdemos a transição como o XV. Não é o típico jogo que nós gostamos, mas sustentamos o resultado", afirmou Dorival.

Apesar do "segundo tempo perfeito", o Santos marcou o gol da vitória aos 40 minutos da primeira etapa. Após jogada ensaiada de escanteio, Lucas Lima cruzou na cabeça de Gustavo Henrique, que marcou o único gol da partida.

Dorival lamentou o estado do gramado, encharcado por causa da forte chuva que caiu em Piracicaba no segundo tempo, e explicou que foi obrigado a fazer substituições por causa do cansaço dos atletas. O treinador tirou Lucas Lima, Gabriel e Serginho para as entradas de Longuine, Alison e Paulinho, respectivamente.

"Todos eles entraram lutando e brigando pela posse de bola, era o mínimo que poderíamos fazer naquele momento. Os atletas estavam muito cansados em campo. A ideia é uma, mas a partida é outra por causa do estado do gramado. Não conseguíamos carregar a bola", concluiu.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos