Santos tem semana livre para definir substitutos de quinteto da seleção

Do UOL, em São Paulo

  • Diego Padgurschi /Folhapress

    Ricardo Oliveira é um dos desfalques de Dorival para o clássico contra o São Paulo

    Ricardo Oliveira é um dos desfalques de Dorival para o clássico contra o São Paulo

Insatisfeito com a atuação do Santos nas últimas duas partidas, o técnico Dorival Júnior terá a semana inteira livre para preparar o time para o próximo compromisso, domingo, contra o São Paulo, na Vila Belmiro, pela 12ª rodada do Paulista. Porém, não será uma tarefa fácil, já que não terá à disposição cinco de seus principais jogadores.

Zeca, Thiago Maia, Gabigol, Lucas Lima e Ricardo Oliveira se apresentam nesta segunda-feira à seleção brasileira. Enquanto os três primeiros seguem para a olímpica, que disputa amistosos nos dias 24, contra a Nigéria (em Cariacica), e 27, contra a África do Sul (em Maceió), o camisa 20 e o camisa 9 têm jogos das eliminatórias pela frente, contra Uruguai, dia 25, na Arena Pernambuco, e Paraguai, dia 29, no tradicional estádio Defensores del Chaco.

Desta forma, Dorival Júnior terá de mexer em meio time para o clássico deste domingo. E conta com a semana livre pela frente, já que o clube da Vila Belmiro teve seu pedido atendido pela CBF para jogar a partida da 11ª rodada antes dos demais (contra o XV de Piracicaba). Sendo assim, não entra em campo no meio desta semana, ao contrário das demais equipes.

Na vaga de Lucas Lima, Rafael Longuini e Serginho (em nova função) aparecem como favoritos. Para o lugar de Ricardo Oliveira, Joel deve ser o escolhido caso Dorival Júnior não queria mexer na estrutura da equipe e manter um centroavante no esquema. Já Caju, que entrou e foi bem diante do Rio Claro, é o principal candidato a substituir Zeca na lateral esquerda.

Com a ausência de Gabigol, Paulinho, que iniciou o ano como titular de Dorival Júnior, deve ganhar nova chance de mostrar serviço ao treinador. Ele inclusive foi o escolhido para substituir Serginho, que precisou deixar o campo diante do Rio Claro ainda no primeiro tempo. Já na vaga de Thiago Maia, Alison, que em Rio Claro jogou de lateral, deve assumir a posição.

Ao menos no setor defensivo, Dorival Júnior não terá de mexer na equipe que não sabe o que é levar gol há quatro rodadas. Ele ainda tem a opção de utilizar novamente o zagueiro David Braz, titular em 2015 e que diante do Rio Claro voltou a ser relacionado depois de três meses, após se recuperar de lesão sofrida no fim do ano passado, na final da Copa do Brasil.

Com 22 pontos em 11 jogos, o Santos ocupa a liderança do grupo A do Campeonato Paulista, com cinco pontos a mais que o São Bento, vice-líder. O time da Vila Belmiro ainda é o segundo colocado da classificação geral, atrás apenas do Corinthians, que soma 23 em dez partidas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos