Artilheiro do Paulistão perde emprego após discussão com o técnico

Do UOL, em São Paulo

O meia-atacante Rodrigo Andrade teve seu contrato rescindido com o Audax. O jogador, que é artilheiro do Paulistão, com 8 gols, discutiu com o técnico Fernando Diniz após empate da equipe contra o São Bernardo, por 3 a 3, em São Bernardo do Campo, em 13 de março.

O vínculo do atleta vencia ao fim do torneio estadual. O gol que o Audax sofreu (e que resultou na discussão entre técnico e meia-atacante) foi aos 49 min da segunda etapa. Diniz e Andrade se desentenderam no vestiário. Não foi a primeira vez que os dois se estranharam na temporada.

Por causa da discussão, Andrade havia sido cortado do jogo contra o Palmeiras, vencido pelo Audax por 2 a 1. A diretoria do time de Osasco definiu nesta semana que o meia-atacante não permaneceria mais no clube.

"Houve uma discussão que passou um pouco do limite de ambas as partes, e se eu voltasse aconteceria de novo. Por isso entrei em acordo com a diretoria. Mas não me arrependo de nada do que eu fiz. Saio pela porta da frente", disse Rodrigo Andrade ao jornal O Estado de S. Paulo.

Aos 28 anos, Rodrigo Andrade tem oito gols marcados no Paulistão deste ano. O atleta defendeu o Botafogo de Ribeirão Preto e o Criciúma na temporada passada.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos