Mogi Mirim presta homenagem a filho de atacante morto aos dois anos

Do UOL, em São Paulo

O Mogi Mirim entrou em campo neste domingo (10), para enfrentar o Palmeiras, prestando uma homenagem a seu atacante Léo Arthur. Na última quinta-feira, o jogador perdeu seu filho de dois anos, que morreu afogado na piscina da própria casa.

Todos os jogadores entraram com uma camisa com a foto da criança e com a inscrição: "Força Léo". Além disso, o Mogi jogará esta última rodada do Paulistão com uma faixa preta em sinal de luto. 

Léo foi dispensado da partida. O enterro do filho, na sexta-feira, contou com a presença de jogadores que não foram relacionados para esta partida. Os demais precisaram ficar concentrados com o elenco. 

Em seu site, o Mogi Mirim já havia divulgado uma nota de luto por causa da tragédia. O jogo também teve o minuto de silêncio em homenagem ao garoto morto. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos