Tite exalta Fernando Diniz e diz que não adianta mudanças para Libertadores

Do UOL, em São Paulo

O técnico Tite não escondeu a frustração após a eliminação do Corinthians na semifinal do Campeonato Paulista. Na entrevista coletiva após o jogo, ele lamentou a falta de precisão nas finalizações, mas também elogiou o nível da partida e, por isso, fez questão de exaltar o comandante do Audax: Fernando Diniz.

"Foi um jogo de alternâncias de movimentos táticos, entre duas equipes que procuraram jogar futebol, sem ninguém fazendo falta na frente para quebrar jogadas", disse Tite. "Enquanto profissional, me sinto orgulhoso por ter participado deste jogo e triste por ter perdido. Mas reconheço a coragem do Audax. O Fernando Diniz é um grande técnico e que passa aos atletas a metodologia e a coragem. Eles vieram para o jogo contra a gente, ao invés de ficar com a bunda lá atrás", completou. 

Eliminado do Paulista, o Corinthians agora volta as atenções para as oitavas de final da Libertadores. Na quarta-feira, o time encara o Nacional no Uruguai. Questionado se a queda para o Audax e o fato de ter feito duas alterações logo no intervalo poderiam sinalizar mudanças na escalação para o compromisso pela competição continental, Tite preferiu não adiantar nada.

"Eu entendo as perguntas, inclusive projetando mudanças. Mas não é o momento. O momento agora é de analisar a performance da equipe. Há uma série de aspectos que pesam. Se fosse um jogo de 180 minutos seria diferente. Em jogo de 90 minutos não dá para esperar para fazer mudanças", declarou o treinador do Corinthians. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos