Infiltrados e sede da Mancha preocupam em clássico de torcida única na Vila

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Samir Carvalho/UOL Esporte

    Setor destinado aos visitantes na Vila Belmiro só contará com santistas neste domingo

    Setor destinado aos visitantes na Vila Belmiro só contará com santistas neste domingo

O efetivo da Polícia Militar reconhece que o trabalho está mais tranquilo no clássico de 'torcida única' entre Santos e Palmeiras neste domingo, às 16h (de Brasília), na Vila Belmiro, válido pela semifinal do Campeonato Paulista.

No entanto, o fato de existir uma subsede da Mancha Alviverde na Baixada santista, mais especificamente na Praia Grande, deixa a PM em alerta nas redondezas do estádio.

"Existem núcleos em todo estádio. Eles possuem subsede na Baixada, no interior. O nosso serviço de informação acompanha as redes sociais, movimentações da torcida. Até agora não chegou nenhuma informação que o pessoal desta subsede tem a intenção de entrar aqui ou se manifestar em algum ponto. A gente, o reforço do policiamento em torno, a tropa do BASP (Batalhão de Assistências Sociais da Polícia), temos tropa deles, com essa preocupação, com torcidas antagônicas", afirmou o capitão Fernando Sério, responsável pelo trabalho da polícia no clássico.

Outra preocupação da Polícia Militar se resume a possíveis torcedores do Palmeiras à paisana no clássico deste domingo. A PM está orientada a ficar atenta a qualquer manifestação suspeita durante o jogo nas arquibancadas. Como só é permitida a entrada de santistas no estádio, os policiais não descartam a entrada de 'palmeirenses infiltrados'. 

"O comandante de patrulha está orientado, tantos nos portões ou ao redor do estádio. Se chegar com camisa não pode entrar, pois é jogo de torcida única. As patrulhas que estão dentro estão orientas as manifestações do publico, se alguém comemorar gol do palmeiras, alguém pular cria-se uma condução. As patrulhas estão de olho nisso para tomar medidas", disse o capitão.  

"Dentro do estádio estão de olho. Se tiver alguém disfarçado, com camisa branca, é palmeirense, não tem como descobrir, as patrulhas estão de olho se ele vai se manifestar. Se tiver algum no meio as patrulhas vão tomar medidas", completou.

O Ministério Público determinou que os clássicos paulistas ocorram com torcida única até o fim do ano. Sendo assim, apenas torcedores do Santos terão acesso às arquibancadas, incluindo o setor destinado aos visitantes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos