Palmeiras é superado pelo Ituano e conhece 1ª derrota com Eduardo Baptista

Do UOL, em São Paulo

O Palmeiras tinha tudo para viver uma noite inesquecível neste domingo, em Itu. O time, que contou com as estreias de Guerra e Keno, no entanto, acabou derrotado pelo Ituano por 1 a 0 em jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Paulista. O volante Guly marcou o gol da equipe da casa no segundo tempo do confronto.

O revés é o primeiro da era Eduardo Baptista. Na estreia do estadual, o Palmeiras venceu o Botafogo por 1 a 0 no Allianz Parque, com gol de Tchê Tchê, que, lesionado, não atuou neste domingo. O treinador também comandou o time alviverde no amistoso com a Ponte Preta, na pré-temporada (o jogo acabou empatado por 1 a 1).

Com a derrota de hoje, o Palmeiras saiu da zona de classificação do Grupo C. A equipe soma três pontos e foi superada por Santo André (cinco pontos) e Novorizontino, que tem os mesmos três pontos, mas soma mais gols no torneio. 

Na próxima rodada, o Palmeiras recebe o São Bernardo no Allianz Parque. O jogo está marcado para a próxima quinta-feira, às 19h30 (de Brasília). Já o Ituano voltará a atuar em casa. O adversário será o São Bento - o duelo será na quarta-feira às 17h. 

Ituano pressiona

 

Apoiado pela torcida e atuando em seu estádio, o Ituano começou melhor que o Palmeiras. O time do interior teve três chances de gols nos primeiros 13 minutos. Prass fez duas defesas, em conclusões de Claudinho e Morato. Depois, Zé Roberto salvou a equipe alviverde na pequena área em um cruzamento. 

O Palmeiras respondeu depois dos 30 minutos do primeiro tempo. Dudu tocou em profundidade para Róger Guedes, que chutou para a fora cara a cara com o goleiro. Na sequência, Willian bateu cruzado e mandou rente à trave.

 


Falha de marcação

O gol do Ituano, marcado por Guly, saiu depois de uma falha de marcação do sistema defensivo do Palmeiras. Após cobrança de escanteio pela direita, Thiago Santos não conseguiu subir e viu, cravado no campo, o jogador do time e Itu cabecear forte, sem chances para Fernando Prass.

Noite de estreias

O meia Guerra, uma das contratações mais badaladas do time para a temporada 2017, fez a sua estreia pelo Palmeiras. O atleta de 31 anos, eleito o melhor jogador da Libertadores 2016, atuou como titular na vaga de Raphael Veiga. Dudu e Róger Guedes completaram o meio-campo ofensivo. Na etapa final, foi a vez do atacante Keno disputar a primeira partida pelo Palmeiras.

Nove minutos

Bastaram apenas nove minutos para o técnico Eduardo Baptista mudar a estratégia do Palmeiras para o jogo contra o Ituano. Aos nove minutos, o lateral direito Fabiano deixou o gramado contundido - o atleta ganhou uma chance depois que Jean foi deslocado para o meio-campo no lugar de Tchê Tchê. Com o imprevisto, Jean voltou para a lateral e Thiago Santos entrou em campo para atuar ao lado de Felipe Melo.

Prass, 200

O goleiro e ídolo palmeirense completou neste domingo 200 jogos com a camisa do time alviverde. Fernando Prass chegou ao clube logo após o rebaixamento da equipe no Brasileirão 2012. No ano seguinte, ele participou da campanha do acesso. Em 2015, brilhou na final da Copa do Brasil, com direito a gol de pênalti na decisão contra o Santos. Aos 38 anos, o arqueiro já falou em jogar mais quatro temporadas.

Más lembranças

O Palmeiras guarda más recordações do time de Itu. Na edição 2014 do campeonato estadual, o Ituano foi responsável pela eliminação palmeirense na semifinal do torneio, em pleno Pacaembu. A equipe do interior foi à final e conseguiu levantar a taça ao bater o Santos nos pênaltis, também no estádio municipal. Palmeiras e Ituano se reencontraram em 2015 e ficaram no empate por 2 a 2 no Novelli Júnior.

Corneta nas redes sociais

Durante a partida, torcedores do Palmeiras pediram a volta de Cuca ao clube alviverde. Alguns chegaram a criticar o trabalho de Eduardo Baptista, mesmo no começo da temporada. Muitos não concordavam com a escalação de Róger Guedes e a posição de Dudu, que algumas vezes passou a atuar pela direita. Vale lembrar: campeão brasileiro, Cuca deixou o Palmeiras para se dedicar à família.

FICHA TÉCNICA
 
ITUANO  1 x 0 PALMEIRAS
 
Local: Estádio Novelli Júnior, em Itu (SP)
Data: 12 de fevereiro de 2017 (domingo)
Horário: 19h30 (de Brasília)
Público: 11.962 
Renda: R$ 545.970,00
Árbitro: Raphael Claus (SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e Bruno Salgado Rizo (ambos de SP)
Cartões amarelos: Ronaldo e Naylhor (Ituano); Felipe Melo (Palmeiras)
 
Gol: Guly, aos seis minutos do segundo tempo.
 
ITUANO: Fábio; Arnaldo, Naylhor, Lima e Peri; Wellington Simião (Walfrido), Guly e Guilherme (Romarinho); Claudinho, Ronaldo (Nena) e Morato. Técnico: Tarcísio Pugliese.
 
PALMEIRAS: Fernando Prass; Fabiano (Thiago Santos), Vitor Hugo, Edu Dracena (Alecsandro) e Zé Roberto; Felipe Melo e Jean; Róger Guedes (Keno), Guerra e Dudu; Willian. Técnico: Eduardo Baptista.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos