Estreia frustrada! Pratto marca, mas vê São Paulo ceder empate ao Mirassol

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo (SP)

O São Paulo até saiu na frente do Mirassol neste sábado, no Morumbi, mas cedeu o empate por 2 a 2 e perdeu a chance de ampliar sua sequência vitoriosa no Campeonato Paulista. O jogo desta noite, válido pelo estadual, ainda contou com gol do estreante Lucas Pratto. Rodrigo Caio ampliou, enquanto Rafhael Lucas diminuiu para os visitantes. Xuxa empatou.

O Tricolor continua liderando com folga o Grupo B com sete pontos, sendo três a mais que a segunda colocada Ferroviária. O Mirassol segue líder do Grupo D com três pontos a mais que a Ponte Preta.

Sérgio Castro/Estadão Conteúdo

Pratto feito

Só o tempo vai dizer se o São Paulo viverá dias melhores ou não em 2017, mas a estreia de Lucas Pratto foi promissora. O argentino deu munição para todos os trocadilhos aos oito minutos do primeiro tempo, quando aproveitou cruzamento de Bruno – também novidade na equipe no lugar de Buffarini, enquanto Junior Tavares atuava pela esquerda – e subiu entre Edson Silva e Wallace para tocar de cabeça e iniciar da melhor maneira a sua história no Morumbi.

Cadê o abraço, Rogério?

Uma curiosidade: depois de abrir o placar para o São Paulo, Lucas Pratto foi chamado por Rogério Ceni na beira do gramado. O argentino correu para abraçar o novo treinador no que pensou que seria só uma comemoração, mas o técnico tratou de encher o atacante de orientações. Primeiro corrige o posicionamento, depois comemora!

Rubens Chiri / saopaulofc.net

Susto e expulsão

A torcida tricolor levou um susto logo no início do segundo tempo. Na velocidade, o Mirassol chegou ao ataque e a bola sobrou livre para Xuxa, que só teve o trabalho de mandar a bola para o fundo das redes. Porém, o árbitro Leandro Bizzio Marinho anulou o tento, pois o atacante estava impedido. A decisão do juiz irritou o treinador Moisés Egert, que acabou expulso por conta das reclamações.

De zagueiro para zagueiro

O São Paulo usou a cabeça para ampliar a vantagem. Após escanteio, o zagueiro Maicon deu uma de lateral e cruzou na medida para a área. Curiosamente, outro beque, Rodrigo Caio, que estava na área como um centroavante, completou de cabeça para o gol, aos sete minutos do segundo tempo.

Assim não, Maicon

O zagueiro tentou um drible em Rafhael Lucas, que tinha acabado de entrar no lugar de Zé Roberto, e não teve sucesso. O atacante do Mirassol ficou cara a cara com Sidão e conseguiu, com tranquilidade, fazer o gol da equipe visitante aos 30 do segundo tempo.

Agora valeu

Desta vez, em posição legal, Xuxa conseguiu marcar o seu e empatar o jogo no Morumbi. Após cruzamento da direita, a zaga não conseguiu desviar e o atacante do Mirassol mandou para o fundo do gol, aos 46 minutos do segundo tempo.

Edson Silva: saudade?

Hoje atleta do Mirassol, Edson Silva viu sua vida mudar muito desde que deixou o São Paulo, no fim de 2015, até o retorno ao Morumbi, na partida deste sábado. No jogo dessa noite, o defensor não conseguiu evitar o gol de cabeça de Pratto aos oito do primeiro tempo.

Seria um golaço... Contra

Por pouco Maicon não complicou o Tricolor na partida aos 34 do primeiro tempo, quando tocou de cabeça uma bola que parecia tranquila na zaga... E quase encobriu Sidão. Por sorte, o goleiro estava atento para espalmar para escanteio.

AC/DC cortado

Assim como acontecia quando Rogério Ceni era jogador,  o São Paulo tentou tocar a música "Hells Bells", do AC/DC na hora que o time subia as escadas do vestiário. No entanto, logo após o som do sino característico da banda do guitarrista Angus Young e o agito da torcida, a música foi cortada para ser executada a música do Campeonato Paulista.  O público não curtiu muito a troca.

"Lu-iz A-ra-újo"

Escalado como titular após marcar dois gols na vitória sobre o Santos no meio de semana, Luiz Araújo está em alta com a torcida do São Paulo. Depois da negociação de David Neres com o Ajax, da Holanda, o garoto começa a se consolidar como principal promessa do elenco tricolor, que ainda conta com jovens elogiados como Araruna, Lucas Fernandes e Shaylon. Neste sábado, a galera no Morumbi entoou o canto "Lu-iz A-ra-újo" no mesmo ritmo que costumava usar para homenagear Luis Fabiano, hoje no Vasco. No jogo, porém, o atacante oscilou: nos primeiros instantes, perdeu boas oportunidades; depois, controlou a ansiedade e criou algumas jogadas.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 2 X 2 MIRASSOL

Data e hora: 18 de fevereiro de 2017, sábado, às 19h30 (de Brasília)
Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho e Evandro de Melo Lima
Público e renda: 43.961 pessoas; R$ 839.869,86
Cartões amarelos: Luiz Araújo, Rodrigo Caio, Junior Tavares (São Paulo); Zé Roberto (Mirassol)
Gols: Lucas Pratto, aos oito minutos do primeiro tempo, e Rodrigo Caio, aos sete do segundo (São Paulo); Rafhael Lucas, aos 30 do segundo, e Xuxa, aos 46

SÃO PAULO: Sidão; Bruno, Rodrigo Caio, Maicon e Júnior Tavares; Thiago Mendes, João Schmidt, Cícero (Buffarini) e Cueva (Lucas Fernandes); Luiz Araújo (Neilton) e Lucas Pratto
Técnico: Rogério Ceni

MIRASSOL: Vagner; Tony, Wallace, Edson Silva e Raul; Willian, Paulinho (Ricardinho), Xuxa e Rodolfo; Wellington Junior (Bruno Sávio) e Zé Roberto (Rafhael Lucas)
Técnico: Moisés Egert

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos