Dor e alívio! Palmeiras vence o Linense e diminui pressão antes de clássico

Do UOL, em São Paulo

O Palmeiras viveu um dia de susto e muitas alegrias. A apreensão ficou por conta do entorse no joelho esquerdo de Moisés, ainda no primeiro tempo. Por outro lado, o time não deixou a desejar e derrotou o Linense por 4 a 0, neste domingo, na Arena da Fonte, em Araraquara.

O resultado positivo deu tranquilidade para o técnico Eduardo Baptista e o elenco antes do clássico contra o Corinthians, que será disputado na quarta-feira, na casa do adversário. Apesar de estar na liderança do Grupo C do Campeonato Paulista, o Palmeiras era alvo de críticas da torcida neste início de temporada.

Durante os 90 minutos, o Palmeiras controlou as ações sem dificuldade. O Linense quase não deu qualquer trabalho para o goleiro Fernando Prass. Já o ataque funcionou bem em uma tarde inspirada de Dudu.

Dia de estreia

Pela primeira vez nesta temporada, Mina vestiu a camisa do Palmeiras. O zagueiro colombiano não disputou as primeiras partidas de 2017 por conta de uma lesão muscular que sofrera no fim do ano passado. No jogo deste domingo, ele entrou na vaga de Edu Dracena, que foi poupado e nem sequer viajou para Araraquara.

Lesão e dor

Em disputa com Zé Antônio, Moisés sofreu um entorse no joelho esquerdo e deixou o gramado chorando. O jogador foi substituído por Keno, aos 11 minutos, e deixou preocupada a comissão técnica alviverde. O jogador saiu de Araraquara antes do fim do jogo acompanhado pelo médico Gilberto Cunha e os exames serão realizados em São Paulo. Caso não tenha condições de atuar mais neste Paulistão, ele deve dar vaga para o colombiano Borja ser inscrito na competição. Além dele, o técnico Eduardo Baptista viu Tchê Tchê e Fabiano se lesionarem neste início de temporada. Coincidentemente, Moisés sofreu uma lesão em jogo contra o Linense na última temporada. Por conta de duas contusões na perna esquerda, o jogador e disputou apenas 37 partidas em 2016.

Sem peso nas costas

Willian era um dos jogadores mais pressionados antes da partida deste domingo. Agora, porém, o atacante pode respirar mais tranquilo. Depois de Keno aproveitar falha da defesa adversária, Dudu deu o passe para Willian, que abriu o placar aos 23 minutos. "A cobrança é maior por se tratar de um clube grande como o Palmeiras, mas as coisas acontecem na hora certa. Por mim, faria dois ou três gols por jogo, mas a gente sabe que as coisas não são assim", disse Willian.

Dudu inspirado e o primeiro de Raphael Veiga

O Palmeiras empolgou depois do primeiro gol e, logo na sequência, ampliou o placar. Depois de lançamento do goleiro Fernando Prass, Willian e Dudu fizeram boa troca de passes até a bola chegar em Raphael Veiga, que mandou para o fundo do gol, aos 25 minutos. Foi também o primeiro gol oficial dele pelo clube.

Jogada ensaiada e fim do jejum

Mesmo com a vantagem no placar, o Palmeiras não diminuiu o ritmo no segundo tempo. Em jogada ensaiada, Dudu cobrou escanteio na esquerda, a bola desviou em Zé Antônio, do Linense, e sobrou para Michel Bastos, que só teve o trabalho de completar de cabeça. O meia não marcava um gol desde o dia 11 de maio de 2016, na vitória do São Paulo por 1 a 0 sobre o Atlético-MG, pelas quartas da Copa Libertadores.

Em alerta

O Palmeiras ficou alerta até nos instantes finais do jogo.  Em uma das únicas oportunidades do Linense, Em um contragolpe da equipe do interior, o goleiro Fernando Prass fez bela defesa. No rebote, Vitor Hugo evitou o gol do adversário quase em cima da linha.

Garçom Dudu e Barrios

Lucas Barrios também conseguiu deixar o seu na partida. Dudu deu mais uma excelente assistência para o atacante paraguaio, que mostrou oportunismo para marcar o quarto do Palmeiras.

FICHA TÉCNICA

LINENSE X PALMEIRAS

Data: 19 de fevereiro de 2017, domingo
Horário: 17h (de Brasília)
Competição: Campeonato Paulista (4ª rodada)
Local: Arena da Fonte, em Araraquara (SP)
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira
Auxiliares: Tatiane Sacilotti Camargo e Gustavo Rodrigues de Oliveira
Público e renda: 10.208 pessoas R$ 626.090.
Cartões amarelos: Caíque, Zé Antônio (Linense); Yerry Mina, Lucas Barrios (Palmeiras) 
Gols: Willian aos 23 do 1º tempo; Raphael Veiga aos 25 do 1º tempo; Michel Bastos aos 8 do 2º tempo; Lucas Barrios aos 36 do 2º tempo

LINENSE: Victor Golas; Bruno Moura, Rodrigo Lobão, Lucas Silva (Magno Alves) e Bruno Costa (Thiago Santos); Caíque, Zé Antônio, Thiago Humberto e Diego Felipe; Giovanni (Felipe Pereira) e Gabrielzinho. Técnico: Guilherme Alves. 

PALMEIRAS: Fernando Prass; Jean, Yerry Mina, Vitor Hugo e Egídio; Felipe Melo (Thiago Santos); Michel Bastos, Moisés (Keno), Raphael Veiga e Dudu; Willian (Lucas Barrios). Técnico: Eduardo Baptista

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos