Reforços? Dos 4 que já estrearam no Santos, só um está com saldo positivo

Do UOL, em Santos (SP)

  • Ivan Storti/ Santos FC

    Zagueiro Cleber Reis mal estreou pelo Santos e já foi expulso

    Zagueiro Cleber Reis mal estreou pelo Santos e já foi expulso

Além de manter a base do ano passado, a diretoria do Santos contratou seis reforços para a nova temporada. Exceção feita ao lateral Matheus Ribeiro, ainda não aproveitado por Dorival Júnior, e ao meia-atacante Vladimir Hernández, sem o nome publicado no BID, todos eles já foram a campo em 2017. Nenhum deles, porém, já conseguiu empolgar o torcedor.

Dos seis, o único que chegou perto disso, ao menos por alguns instantes, foi Kayke. Emprestado pelo Yokohama Marino-JAP, o centroavante, que chega para disputar a posição de reserva imediato de Ricardo Oliveira com Rodrigão, precisou de alguns minutos para balançar as redes, mesmo que de forma irregular, e garantir a vitória (por 3 a 2) sobre o Red Bull.

Por enquanto, porém, foram apenas 24 minutos em campo. Oito contra o Red Bull e mais 16 contra o São Paulo, no qual entrou restando pouco mais de 15 minutos para o fim do jogo. Contra a Ferroviária, com a volta de Ricardo Oliveira, Kayke permaneceu no banco de reservas.

Já Bruno Henrique, reforço mais caro da Era Modesto, vindo do Wolfsburg, estreou contra o Red Bull e também entrou nas outras partidas – contra São Paulo e Ferroviária. Foram 56 minutos em campo nos três jogos, mas pouca produtividade e nenhuma participação em gols.

Leandro Donizete, por sua vez, é o reforço que mais teve chance de mostrar serviço: foram 183 minutos. Porém, os passes errados e a fragilidade defensiva do time fizeram com que o ex-Atlético-MG – contestado pela torcida antes mesmo de estrear – já virasse alvo dos santistas.

Por fim, Cléber foi o último dos quatro reforços a estrear. E começou mal. Titular diante da Ferroviária, o zagueiro que estava no Hamburgo até vinha bem no jogo, mas recebeu dois amarelos (o segundo após errar passe na defesa e parar a jogada), foi expulso e deixou o time na mão. Com um a menos, o Santos acabou derrotado por 1 a 0 em plena Vila Belmiro.

Curiosamente, o reforço que mais criou expectativa entre os torcedores segue sem poder estrear por problemas na documentação: Vladimir Hernández, que marcou um lindo gol de bicicleta em amistoso contra time marroquino, no Pacaembu. Já o lateral Matheus Ribeiro continua dependendo apenas de Dorival para estrear, o que pode acontecer nesta terça-feira (21), quando o Santos visita o Ituano em Itu.

O mais provável, porém, é que mais uma vez nenhum dos reforços, a não ser Leandro Donizete, comece o jogo desta quinta rodada do Paulista como titular. Quem tem chance de voltar ao time é David Braz, enfim recuperado de lesão na panturrilha.

ITUANO X SANTOS

Data: 21/02/2017 (terça-feira)
Horário: 21h30 (de Brasília)
Local: Novelli Jr., em Itu (SP)
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira
Assistentes: Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo e Alberto Poletto Masseira

ITUANO
Fábio, Arnaldo, Mateus, Lima e Peri; Guly, Simião, Guilherme e Morato; Claudinho e Nena
Técnico: Tarcísio Pugliese

SANTOS
Vladimir, Victor Ferraz, Lucas Veríssimo (David Braz), Yuri e Zeca; Leandro Donizete, Thiago Maia e Léo Cittadini (Thiago Ribeiro); Vitor Bueno, Copete e Rodrigão
Técnico: Dorival Júnior

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos