Com lesão grave, lateral do Santos não joga mais o Campeonato Paulista

Do UOL, em Santos (SP)

  • CHICO FERREIRA/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

    Caju se machucou durante o treinamento do último domingo

    Caju se machucou durante o treinamento do último domingo

A bruxa anda solta na Vila Belmiro neste início de temporada. Nesta quarta-feira (22), o departamento médico do Santos confirmou mais uma lesão, e grave. O lateral esquerdo Caju, substituto de Zeca, foi diagnosticado com uma lesão subtotal no músculo reto femoral da coxa esquerda, problema que, segundo o clube, deixa-o fora da disputa do Campeonato Paulista de 2017.

O camisa 3, que ainda não havia estreado na temporada, machucou-se durante o treino do último domingo (19) e foi vetado para o jogo contra o Ituano. Após exames e avaliações por parte do DM santista realizados na segunda (20) e terça-feira (21), veio o diagnóstico.

Caju era um dos 26 jogadores já inscritos pelo Santos na competição estadual. Diante disso, o departamento médico preparou toda a documentação sobre a lesão para enviar à Federação Paulista de Futebol e, assim, inscrever outro atleta em seu lugar.

Desta forma, o Santos não fica com um jogador a menos na primeira fase do Paulistão. As trocas, dentro do regulamento, só podem acontecer a partir da fase de mata-mata. Porém, há a exceção para substituição em casos de lesões graves, como a de Caju.

O técnico Dorival Júnior vem convivendo com problemas de contusão de seus jogadores desde o início da temporada. Jean Mota, Lucas Lima, Vanderlei e Renato, além de Gustavo Henrique e Luiz Felipe, estão entregues ao departamento médico. Já Ricardo Oliveira, por conta de uma caxumba contraída no início do ano, iniciou a pré-temporada depois dos companheiros e, depois de estrear contra a Ferroviária, voltou a ser poupado para evoluir fisicamente.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos