"Falamos que iríamos correr pelo Gabriel", diz Maycon

Do UOL, em São Paulo

Envolvido nos dois lances decisivos do clássico entre Corinthians e Palmeiras, disputado na Arena Corinthians, na noite desta quarta-feira (22), o volante Maycon exaltou a partida do time da casa e classificou a vitória por 1 a 0 como "luta". Segundo ele, a equipe "correu por Gabriel". 

"Acho que foi luta. No começo do jogo a gente fechou e disse que ia correr pelo Camacho. Depois da expulsão injusta do Gabriel, falamos que iríamos correr por ele também. Fizemos uma grande partida, se mantivermos esse nível de concentração a gente vai longe. Muita gente desacredita do nosso grupo, mas nosso grupo é vencedor", disse, na saída de campo. 

Camacho, cujo pai morreu nesta semana, não foi a campo para o Dérbi. Gabriel, por outra, foi expulso aos 45 minutos do primeiro tempo, por falta que não cometeu. No lance, quem puxou Keno, do Palmeiras, foi justamente Maycon. Gabriel viu o segundo cartão amarelo e foi excluído erroneamente.

O mesmo Maycon, mais tarde, deu assistência para gol de Jô, o único da partida.

O Corinthians venceu pela quarta vez em cinco rodadas no Campeonato Paulistão. A equipe lidera o Grupo A, com 12 pontos. O Palmeiras, que amarga seu segundo revés, também é líder de sua chave, a C. 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos