Que estreia! Borja marca em goleada e Palmeiras respira

Do UOL, em São Paulo

A primeira partida do Palmeiras após a derrota no clássico para o Corinthians terminou como a torcida esperava: goleada para cima da Ferroviária. Em seus domínios, o Allianz Parque, o time alviverde venceu por 4 a 1, com direito a gol do estreante Borja – Keno, Michel Bastos e Roger Guedes fizeram os outros gols alviverdes. A Ferroviária foi às redes com Alan Mineiro.

O resultado mantém o Palmeiras na liderança do Grupo C do Campeonato Paulista, com 12 pontos. Já a Ferroviária está na última colocação da chave B, com apenas cinco pontos.

Na próxima rodada, o Palmeiras visita o Red Bull, na sexta-feira (3). Três dias mais tarde, a Ferroviária recebe o São Bento.

Palmeiras domina, e Keno abre o placar

Um Palmeiras dominante dava trabalhado à Ferroviária com rápida movimentação no ataque. E foi assim que surgiu o gol: aos 13 minutos, Michel Bastos tocou de calcanhar para Jean, que passou para Willian. O atacante invadiu a área pela direita e cruzou para Keno, que cabeceou para o fundo das redes de Matheus.

Ferroviária se salva em cima da linha

Pouco tempo depois de balançar as redes, Keno teve a chance de fazer o segundo, mas perdeu uma oportunidade incrível. Após passe de Dudu, o atacante driblou o goleiro Matheus, mas ficou sem ângulo. Ainda assim, chutou para o gol e o zagueiro Patrick tirou em cima da linha. A imagem da transmissão da partida mostrou que a bola não cruzou completamente a linha do gol.

Palmeiras diminui o ritmo, e Ferroviária se arrisca no ataque

Depois de um primeiro tempo de completa ineficiência, a Ferroviária ameaçou se lançar mais ao ataque no início do segundo tempo. A atitude acontecia justamente no momento em que o Palmeiras diminuía o ritmo e começava a controlar a partida. Apesar de duas chances com Capixaba e Alan Mineiro, o time do interior paulista seguia distante de um gol.

Palmeiras faz o segundo após reclamação de pênalti

Um lance polêmico resultou no segundo gol palmeirense. Aos 19 minutos do segundo tempo, Leandro Amaro empurrou Dudu dentro da área, mas o árbitro marcou a falta fora dela. Na cobrança, Jean rolou para Michel Bastos, que bateu firme e a bola passou por baixo do goleiro Matheus.

Ferroviária diminui em pênalti cheio de polêmica

Com desvantagem de dois gols, a Ferroviária se lançou ao ataque mais uma vez e assustou Fernando Prass aos 28 minutos. Mas foi um minuto depois que o gol veio. Alan Mineiro chutou na entrada da área e Michel Bastos bloqueou com o braço. Pênalti. Na cobrança, o próprio Alan Mineiro arriscou uma paradinha e ficou na defesa de Fernando Prass.

Na sequência da defesa, a arbitragem mandou o pênalti voltar, por causa de uma adiantada de Fernando Prass. Na confusão, o goleiro acabou recebendo um cartão amarelo. Na nova cobrança, Alan Mineiro balançou as redes e diminui para a Ferroviária. Irritado com o lance, Prass chutou a bola longe, dando início a uma nova polêmica: uma possível expulsão por segundo cartão amarelo. Apesar dos pedidos dos jogadores da Ferroviária, o árbitro preferiu apenas advertir verbalmente o goleiro palmeirense.

Torcida enlouquece com entrada de Borja, e ele responde com gol

Contratação mais recente do elenco palmeirense, o atacante Miguel Borja fez sua estreia com a camisa alviverde. O atacante substitui Willian aos 22 minutos do segundo tempo, para delírio da torcida do Palmeiras. E na primeira chance que teve, o colombiano respondeu aos anseios palmeirenses: gol.

Aos 37 minutos, Borja ganhou da marcação em contra-ataque, tocou para Dudu e recebeu livre, de frente para o gol. Com tranquilidade, o colombiano bateu colocado no canto de Matheus.

Roger Guedes fecha o placar

A Ferroviária sentiu o terceiro gol palmeirense, tanto que apenas três minutos mais tarde, sofreu o quarto. Aos 40 minutos, Roger Guedes subiu mais do que a marcação e aproveitou falta cobrada pela esquerda para cabecear para o fundo das redes de Matheus.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 4 x 1 FERROVIÁRIA

Competição: Campeonato Paulista
Data: 25/02/2017
Local: Allianz Parque (SP)
Público: 26.201 torcedores
Renda: R$ 1.574.103,13
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Fabio Rogerio Baesteiro
Cartões amarelos: Fernando Prass, Keno e Thiago Santos, pelo Palmeiras; Flávio e Fabio Souza, pela Ferroviária
Cartões vermelhos:
Gols: Keno (13'/1ºT), Michel Bastos (20'/2ºT), Borja (37'/2ºT) e Róger Guedes (40'/2ºT), para o Palmeiras; Alan Mineiro (31'/2ºT), para a Ferroviária.

PALMEIRAS: Fernando Prass; Jean, Edu Dracena, Vitor Hugo, Egídio; Thiago Santos (Raphael Veiga), Zé Roberto, Michel Bastos; Keno (Róger Guedes), Dudu e Willian (Borja). Técnico: Eduardo Baptista.

FERROVIÁRIA: Matheus; William Cordeiro, Patrick, Leandro Amaro, Léo Veloso; Flávio (Juninho), Claudinei, Fabio Souza (Bruno Lopes), Alan Mineiro; Capixaba e Elder Santana. Técnico: P.C. de Oliveira

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos