Jogadores do Santos ignoram fase ruim e cobram foco na Libertadores

Do UOL, em São Paulo

Uma vitória nos últimos cinco jogos e duas derrotas nos dois clássicos disputados em 2017. A fase do Santos não é nada boa, mas o elenco alvinegro ainda não ligou um sinal de alerta. Depois do revés por 1 a 0 para o Corinthians, neste sábado (25), em Itaquera, os atletas da equipe do litoral tentaram minimizar o momento e rapidamente voltaram o foco para a estreia na Copa Libertadores, na quinta-feira (09), contra o Sporting Cristal.

"Agora é esquecer o que aconteceu aqui e pensar na Libertadores", resumiu o atacante Thiago Ribeiro. "É preciso acertar o que não funcionou aqui", completou o lateral direito Victor Ferraz.

Desde o dia 12 de fevereiro, quando bateu o Red Bull, o Santos bateu apenas o Botafogo-SP (2 a 0). Além disso, empatou por 0 a 0 com o Ituano e perdeu para Ferroviária (1 a 0), São Paulo (3 a 1) e Corinthians (1 a 0).

"Acabou que neste ano tropeçamos em times contra os quais não costumávamos tropeçar. Perder para o Corinthians aqui é jogo duro, parelho, pode acontecer. Já ganhamos deles algumas vezes aqui, mas hoje [sábado] não deu. Essa geração tem bons resultados, mas vamos fazer de tudo para voos maiores", ponderou Ferraz.

O lateral direito usou o desempenho do Santos contra o Corinthians como demonstração de que o nível técnico não tem sido um problema para a equipe da Vila Belmiro: "As finalizações dizem muito o que foi o jogo. No primeiro tempo eles jogaram melhor – tanto que o nosso goleiro teve de fazer boas intervenções –, mas no segundo tempo nós fomos superiores".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos