Felipe Melo responde a provocações de santistas: "Caldeirão é no chiqueiro"

Do UOL, em São Paulo

A vitória do Palmeiras sobre o Santos por 2 a 1 não foi bem digerida pela torcida alvinegra na Vila Belmiro, que provocou Felipe Melo durante a partida. Na saída de campo, o meio-campista respondeu sem papas na língua.

"A gente está acostumado a jogar em caldeirão. Nunca vi caldeirão com oito mil pessoas. Caldeirão é lá no chiqueiro, pô. Mas é isso, é um grande time, o Santos é um ótimo time, excelente time", começou o jogador em entrevista ao Premiere após a virada alviverde.

Durante o jogo, a torcida santista cantou "não é mole, não, Felipe Melo afundou a seleção" em referência à participação do atleta no time do Brasil na Copa do Mundo de 2010, na África do Sul. Com bola rolando, o volante gesticulou pedindo "mais" ao público rival e dançou com Mina na comemoração do segundo gol do Palmeiras.

Em seguida, Felipe minimizou a troca de farpas. "Isso faz parte do futebol. Eu gostava muito do tempo de Romário, Edmundo, hoje é muito mimimi. Não vamos deixar o futebol morrer, isso faz parte. Sem briga, sem confusão", encerrou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos