Corinthians volta ao Morumbi após goleada para SP. O que mudou em 5 meses?

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

  • Rodrigo Gazzanel / Agência Corinthians

    Jadson e Pedrinho:caras novas no Corinthians após a goleada de 2016

    Jadson e Pedrinho:caras novas no Corinthians após a goleada de 2016

Quase cinco meses depois de sofrer a maior goleada da temporada 2016, o Corinthians voltará ao Morumbi para enfrentar o São Paulo. Dessa vez, a partida será válida pela 11ª rodada do Campeonato Paulista.

Embora o período seja curto, o Corinthians passou por mudanças profundas desde aquele confronto do Brasileirão. O time tem novo técnico, cuja filosofia é bastante distinta da colocada em prática por Oswaldo de Oliveira - houve alterações também na comissão técnica e, sobretudo, na estrutura da equipe dentro de campo.

A situação para o Corinthians também é oposta àquela registrada em novembro do ano passado. Naquela ocasião, o time lutava por uma vaga na Libertadores. Agora, os corintianos, já classificados às quartas de final do estadual, têm a chance de complicar o rival (o São Paulo precisa de três pontos nas duas últimas rodadas para garantir a passagem).

Veja as principais mudanças no Corinthians

Cássio em melhor forma

O goleiro corintiano voltou mais magro das férias e apresentou-se em janeiro com o mesmo peso registrado na temporada 2012, quando levou o Corinthians aos títulos da Libertadores e do Mundial. O resultado pôde ser visto em campo: Cássio está mais ágil debaixo das traves e, dessa forma, mais seguro na meta corintiana.

Sai Willians, entra Gabriel

O volante Willians, que foi trocado por Marciel meses antes, atuou os 90 minutos do clássico disputado há cinco meses. O atleta jogaria apenas mais um jogo antes de deixar o clube - a passagem acabou encurtada por uma discussão com um torcedor. Sem o primeiro volante, o Corinthians contratou Gabriel, que tomou conta da posição à frente dos zagueiros.

Carille após a saída de Oswaldo

Ao fim do Campeonato Brasileiro, o técnico Oswaldo de Oliveira foi demitido pela diretoria corintiana. O time terminou o torneio na sétima colocação e ficou fora da Libertadores. Uma semana depois da saída de Oswaldo, o Corinthians anunciou Fábio Carille como técnico. Neste começo de trabalho, o ex-auxiliar levou o Corinthians à classificação antecipada no Paulistão, com direito a vitórias sobre Palmeiras e Santos.

Comissão técnica com novos membros

Com Fábio Carille, o Corinthians passou a ter uma nova configuração na comissão técnica. O preparador Walmir Cruz voltou ao clube depois de sete anos. Há também duas caras novas que desempenham a função de auxiliar técnico: leandro da Silva, o Cuca, e Osmar Loss, que levou o Corinthians a mais um título da Copinha em janeiro.  

Time com garotos

Em novembro, apenas um jovem recém-saído da base corintiana entrou em campo: o lateral Guilherme Arana, que substituiu Uendel no intervalo. Após a saída de Oswaldo, Carille aposta nos meninos para vencer. No último jogo, por exemplo, sete atletas do "terrão" atuaram. Neste domingo, o time terá os laterais Léo Príncipe e Arana, além do volante Maycon e o meia-atacante Pedrinho.

Jadson e Jô voltaram ao clube

Dois jogadores com uma passagem de sucesso voltaram ao Corinthians. Jadson, campeão brasileiro em 2015, foi contratado em janeiro para comandar o meio-campo. O atacante Jô foi anunciado ainda em outubro, mas só defendeu o time novamente em 2017. O clube alvinegro ainda trouxe mais seis reforços: o zagueiro Pablo, titular da equipe, além dos volantes Paulo Roberto, Gabriel e Fellipe Bastos, os atacante Luidy e Kazim.

Trio perde espaço

Na goleada para o rival em novembro, o trio Giovanni Augusto, Guilherme e Marquinhos Gabriel atuaram como titulares. Hoje, o cenário é completamente distinto. Os três jogadores são reservas do time. Giovanni e Guilherme tiveram seus nomes citados em possíveis negociações, descartadas pelo clube alvinegro. 

FICHA TÉCNICA

SÃO PAULO X CORINTHIANS

Data: 26 de março de 2017, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Competição: Campeonato Paulista (11ª rodada)
Árbitro: Vinicius Furlan
Auxiliares: Anderson de Moraes Coelho e Eduardo Vequi Marciano

SÃO PAULO: Renan Ribeiro; Araruna, Maicon, Rodrigo Caio e Júnior Tavares; João Schmidt, Thiago Mendes e Cícero; Wellington Nem, Gilberto e Luiz Araújo. Técnico: Rogério Ceni 

CORINTHIANS: Cássio; Léo Príncipe, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel e Maycon; Jadson, Rodriguinho e Pedrinho; Jô. Técnico: Fábio Carille

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos