Santos usa Giovanni e virada história no Pacaembu para eliminar Ponte

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Arquivo/Folha Imagem

    Giovanni domina a bola em virada histórica contra o Fluminense no Pacaembu

    Giovanni domina a bola em virada histórica contra o Fluminense no Pacaembu

O Santos acionou o ex-meia Giovanni para motivar o elenco para a sua primeira decisão nesta temporada, diante da Ponte Preta, nesta segunda-feira (dia 10), no estádio do Pacaembu. A equipe santista precisa reverter a derrota por 1 a 0 no jogo de ida para se classificar para as semifinal do Campeonato Paulista.

Giovanni foi escolhido pois ficou marcado positivamente no clube por uma virada histórica no Pacaembu. O "milagre" ocorreu pelo Campeonato Brasileiro de 1995. Na ocasião, o Santos precisava reverter uma derrota de 4 a 1 para o Fluminense, na seminal do Campeonato Brasileiro.

A equipe santista, comandada por Giovanni em campo, venceu o jogo de volta por 5 a 2, no Pacaembu, e se classificou para a final do Brasileirão.

Giovanni foi convidado por diretoria e comissão técnica para acompanhar o elenco durante toda a semana. Além do treino desta terça-feira, no CT Rei Pelé, o Messias, como ficou conhecido pela torcida santista, comparecerá em outros treinos até o dia do jogo contra a Ponte Preta.

O UOL Esporte apurou que Giovanni também ficará com o elenco na concentração e, inclusive, deve comandar a palestra motivacional no vestiário, minutos antes do time subir para o gramado para encarar a Ponte Preta.  

Giovanni considera que a virada do Santos em 1995 teve o mesmo peso que a virada do Barcelona diante do PSG, da França, pela Liga dos Campeões da Europa, neste ano. Neste caso, o time espanhol venceu por 5 a 1 após ter perdido o primeiro jogo por 3 a 0.

"A diretoria me convidou. O clima esta leve apesar da derrota. A Vila Belmiro é a primeira casa do Santos, mas não muda nada jogar no Pacaembu. É um estádio que sempre ajudou o Santos nas decisões. Jogador gosta de jogar em estádio cheio. Isso que importa. O importante é estádio cheio", afirmou Giovanni.

No único treino aberto aos jornalistas nesta semana, o técnico Dorival Júnior não esboçou o time titular que enfrenta a Ponte Preta. As demais atividades nesta semana ocorrerão com os portões fechados para a imprensa. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos