Victor Ferraz critica postura da Ponte Preta: "jogaram de forma covarde"

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo

Victor Ferraz, um dos líderes do Santos, admitiu uma frustração pela eliminação e analisou de forma polêmica a estratégia de jogo da Ponte Preta nesta segunda-feira (10), quando a equipe de Campinas perdeu por 1 a 0, mas avançou após converter com perfeição suas cobranças de pênaltis.

"Sem dúvida, a frustração é muito grande. Eles jogaram, na minha opinião, de forma covarde. Não adianta eu ficar falando aqui agora, eles ganharam, eles vão ter a razão... Mas não deram um chute ao gol, jogaram com os dez atletas atrás", disse o lateral direito na zona mista do Pacaembu.

Ferraz ainda usou uma estatística da primeira partida para tentar explicar a eliminação santista e fez questão de pedir desculpas ao torcedor do Santos que compareceu em peso nesta noite no Pacaembu.

"O primeiro jogo (em Campinas) teve 40 minutos de bola parada, hoje foi por voltar de 33, ou seja, de 180 minutos, quase 80 foram de bola parada. Sem querer usar isso como desculpa... Sabíamos que precisávamos correr mais. O time teve gana, raça... Só posso pedir desculpas para a torcida que fez uma linda festa, eles mereciam a classificação", completou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos