Palmeiras opta por se isolar em primeiro treino após vexame em Campinas

Do UOL, em São Paulo

  • Cesar Greco/Ag. Palmeiras

O Palmeiras decidiu treinar sem a presença da imprensa na próxima quarta-feira (19), na reapresentação do elenco após a derrota por 3 a 0 para a Ponte Preta, em Campinas.

Depois de dois dias de folga, o clube se reapresentará às 9h30 em trabalho comandado por Eduardo Baptista que não será acompanhado pelos repórteres. Antes, Edu Dracena conversará com a imprensa. 

Na semana passada, o técnico já tinha optado pela mesma tática na preparação para o jogo contra o Peñarol. Nos dois dias que antecederam o encontro com os uruguaios, o trabalho foi feito sem que ninguém da mídia pudesse acompanhar. 

A programação para quinta e sexta-feira ainda não está definida. No sábado, o time da capital precisa vencer a Ponte Preta no Allianz Parque por quatro gols de diferença para avançar à final do Estadual. Caso consiga uma vitória por três gols de diferença, a decisão da vaga será feita nos pênaltis. 

Eduardo Knapp/Folhapress

Torcida promete lotar estádio e cria campanha

A torcida do Palmeiras parece acreditar na volta por cima de sua equipe. Foram vendidos mais de 4 mil ingressos entre a última segunda-feira e esta terça-feira. Com isso, o total de entrada vendidas já ultrapassam a casa dos 30 mil. 

Nas redes sociais, os torcedores criaram uma campanha com a hashtag #AtéoApitoFinalPalmeiras. A maioria das mensagens tem palavras de apoio aos jogadores, pedindo que eles acreditem na virada. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos