Presidente do Palmeiras diz que Baptista está garantido até o fim do ano

Danilo Lavieri

Do UOL, em São Paiulo

Neste sábado, o Palmeiras derrotou a Ponte Preta por 1 a 0, mas deu adeus ao Campeonato Paulista. Mesmo assim, o presidente do clube da capital, Maurício Galiotte, descarta qualquer mudança de planejamento no futebol por causa da eliminação na semifinal do estadual. Segundo o mandatário, o técnico Eduardo Baptista continua no cargo, pelo menos, até o fim desta temporada.

"O Eduardo é técnico do Palmeiras. Segue até o fim do ano. Estávamos diante de um jogo decisivo. Se não fizéssemos três gols, não seguiríamos no campeonato. Tivemos várias chances de gol, mas não conseguimos. Estamos tristes por não estar mais no Paulista. Entendemos que temos totais condições de título. O elenco do Palmeiras é muito forte. Seguramos jogadores do ano passado. Trouxemos outros jogadores. Nosso trabalho está mantido. O Palmeiras sai mais forte", disse o mandatário.

O dirigente espera que a equipe volte suas atenções agora para a Copa Libertadores. Nesta quarta-feira, no Uruguai, o Palmeiras enfrenta o Peñarol pela quarta rodada da fase de grupos da competição continental.

"Agora é levantar a cabeça, pensar que temos grandes desafios pela frente. Temos objetivos muito grandes. O importante é que o grupo não perdeu a unidade. Os jogadores sabem que erramos. Tivemos melhor campanha até o momento, mesmo com vitória do Corinthians neste domingo, teremos melhor campanha", afirmou o presidente.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos