"1 a 0 é goleada", diz volante da Ponte sobre 1ª final contra o Corinthians

Do UOL, em Santos (SP)

  • PontePress/FábioLeoni

    Elton ganhou mais espaço com Gilson Kleina e virou titular absoluto da Ponte Preta

    Elton ganhou mais espaço com Gilson Kleina e virou titular absoluto da Ponte Preta

A Ponte Preta tem em mente o que precisa fazer diante do Corinthians para deixar o título do Campeonato Paulista 2017 mais perto: sair na frente no primeiro jogo, marcado para este domingo (30), no Moisés Lucarelli. Nem que seja com uma vitória por só um gol de diferença.

Até aqui, na fase eliminatória, a Ponte Preta soube aproveitar a força de seu estádio e sua torcida para ir com vantagem para o jogo da volta: contra o Santos, fez 1 a 0 em Campinas e, após derrota pelo mesmo placar no Pacaembu, venceu nos pênaltis. Na semi, o time de Gilson Kleina praticamente 'matou' o Palmeiras com uma vitória por 3 a 0 no Majestoso.

Agora, contra o Corinthians, a ideia é pelo menos repetir o que fez contra o Santos nas quartas de final. "O que está sendo importante para a nossa equipe é saber jogar. Não é só um jogo, mas sim dois. O primeiro aqui dentro da nossa casa, precisamos fazer o resultado, assim como fizemos contra o Santos. Mesmo com apenas 1 a 0, fomos para São Paulo, foi difícil, mas classificamos nos pênaltis", recordou o meio-campista Elton, titular da equipe de Kleina.

"Contra o Palmeiras foi um pouco diferente. Ganhamos de 3 a 0 e na casa do adversário eles vieram com tudo, mas soubemos sofrer, marcar e saímos com a classificação par a final. Agora não pode ser diferente. Não é só o primeiro jogo. Seria bom não tomar gol, 1 a 0 é goleada, porque lá é pressão também, mas esse grupo merece ser campeão", acrescentou.

Depois de dois das de folga (domingo e segunda), a Ponte Preta voltou aos treinamentos na tarde desta terça-feira (25). E cheio de confiança para os dois jogos da final.

"A expectativa está boa, porque a Ponte está jogando bem, convencendo e tendo vitórias contra grandes equipes, que eram favoritas ao título. E nós entramos no campeonato desacreditados, sendo cobrados por resultados, pois estávamos ganhando, mas não convencendo. E agora estamos na final, felizes, mas já nessa terça é concentração total, porque queremos entrar para a história da Ponte, que merece ganhar esse título, assim como sua torcida. Vamos entrar com tudo para sermos campeões", completou Elton.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos