Com pênalti perdido de Jadson, Ponte se segura com 10 e vence Corinthians

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

Parecia um dia difícil para a Ponte Preta, mas acabou difícil mesmo para o Corinthians. Nesta quarta-feira (17), em abertura do Campeonato Paulista, a Ponte se superou no Pacaembu e arrancou uma vitória surpreendente por 1 a 0, com belo gol do jovem Felipe Saraiva.

No reencontro do atual campeão contra o atual vice, os fatos do jogo conspiravam para uma vitória corintiana. Felippe Cardoso foi expulso na primeira etapa, mas o Corinthians não conseguiu ser perigoso mesmo com um a mais durante boa parte do confronto. Houve até um pênalti sofrido por Jadson, que bateu fraco, nas mãos do goleiro Ivan, para mostrar que não era mesmo uma noite corintiana no reencontro com o Pacaembu.

O Corinthians volta a campo no próximo domingo para enfrentar o São Caetano, novamente no Pacaembu, com mando do adversário. O jogo terá início às 19h30. A Ponte Preta, por sua vez, recebe o Linense em Campinas, no mesmo dia e horário. 

Os melhores: Ivan e Felipe Saraiva

Marcello Zambrana/AGIF

O goleiro da Ponte Preta ajudou o time de Campinas a sair do Pacaembu com a vitória ao defender um pênalti de Jadson na reta final do segundo tempo. Já o meio-campista ponte-pretano se mostrou o jogador mais lúcido da equipe do interior e acabou coroado por um belo gol.

Os piores: Felipe Cardoso e Romão

Em sua estreia pelo time profissional da Ponte Preta, o atacante de 19 anos acabou expulso ainda no primeiro tempo do duelo no Pacaembu. Felipe recebeu um cartão amarelo depois de entrada dura em Gabriel no meio-campo. No fim da etapa inicial, levou o segundo após dividida com o goleiro Cássio. Já o lateral esquerdo do Corinthians foi mal na marcação e ainda acabou expulso nos últimos minutos do jogo após receber o segundo amarelo.

Ponte Preta aposta nas bolas altas

Atuando fora de casa e mostrando clara falta de entrosamento, o time de Campinas apostou nas bolas alçadas na área. Nos primeiros minutos de jogo, a Ponte fez três cruzamentos e levou perigo à meta corintiana - nos lances, a zaga do time alvinegro não conseguiu afastar e viu o adversário conseguir concluir duas vezes.

Kazim perde chance clara

Marcello Zambrana/AGIF

Aos 17 minutos, o substituto de Jô perdeu uma chance clara na área. Na jogada, Clayson serviu Jadson, que finalizou com força para o gol. O goleiro da Ponte fez a defesa e, no rebote, Kazim, desajeitado, mandou para fora.

Corinthians acerta a trave


A equipe corintiana esboçou uma pressão a partir da metade do primeiro tempo. Aos 33, quase conseguiu ir às redes. Após troca de passes rápidos, Jadson recebeu livre e bateu de primeira para acertar o travessão. Na sequência, o volante Gabriel pegou a sobra de fora da área e mandou rente à trave.

Ponte perde atacante

Aos 42 minutos do primeiro tempo, o árbitro Raphael Claus expulsou o atacante Felipe Cardoso de campo. O camisa 9 da Ponte Preta recebeu o vermelho após cometer faltas em Gabriel e Cássio. Fora do jogo, o jogador deixou o gramado com lágrimas nos olhos. 

Mudança dupla de Carille

Marcello Zambrana/AGIF

Com dificuldades em pressionar a Ponte, o Corinthians teve duas alterações logo aos 15 minutos da etapa final. Carille tirou os dois jogadores de lado de campo, Romero e Clayson, e promoveu as entradas de Lucca e Marquinhos Gabriel, respectivamente. 

Ponte abre o placar

Mesmo com um jogador a menos em campo, a Ponte Preta conseguiu sair na frente do Corinthians. Após um tiro de meta cobrado pelo goleiro Ivan, a bola ficou com o meia Felipe saraiva, que limpou a marcação de Romão e chutou no alto para vencer Cássio - a bola desviou em Gabriel antes de entrar.

Jadson perde pênalti 

Marcello Zambrana/AGIF

O Corinthians teve a chance de empatar aos 29 minutos, após o árbitro assinalar falta em cima de Jadson na área. Na cobrança do pênalti, porém, o camisa 10 chutou fraco no canto direito e viu o goleiro da Ponte fazer a defesa.

Kazim não joga bem e passa em branco

No primeiro jogo oficial da temporada, Kazim não correspondeu às expectativas enquanto o Corinthians busca um novo centroavante. Fixo entre os zagueiros da Ponte, errou algumas tentativas de pivô e não conseguiu dar grande contribuição no processo criativo. Nas poucas oportunidades que teve de concluir, também não foi bem. Mesmo assim, recebeu confiança de Carille e ficou em campo por 90 minutos.

Mais três jogos no Pacaembu

Marcello Zambrana/AGIF

Ainda à espera da conclusão do novo gramado da Arena, o Corinthians disputará mais três jogos no estádio municipal. Na sequência, o time enfrentará o São Caetano como visitante, além de Ferroviária e São Paulo como mandante. A equipe volta a Itaquera no dia 15 de fevereiro, pela sétima rodada, diante do São Bento.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 0 x 1 PONTE PRETA

Data: 17 de janeiro de 2018, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Local: Pacaembu, em São Paulo (SP)
Público: 19.622 pagantes (total: 21.121) 
Renda: R$ 677.537,50
Árbitro: Raphael  Claus (SP)
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho e Alex Ang Ribeiro
Cartões amarelos: Guilherme Romão e Jadson (Corinthians); Luan Peres, Felipe Cardoso e Silvinho (Ponte Preta)
Cartões vermelhos: Guilherme Romão (Corinthians); Felipe Cardoso (Ponte Preta)

Gol: Felipe Saraiva, aos 23 minutos do segundo tempo.

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pedro Henrique e Guilherme Romão; Gabriel; Romero (Lucca), Jadson (Júnior Dutra), Rodriguinho e Clayson (Marquinhos Gabriel); Kazim. Técnico: Fábio Carille

PONTE PRETA: Ivan; Emerson, Renan Fonseca, Luan Peres e Jeferson; Marquinhos (Mendoza), Tiago Real, Léo Arthur (Reinaldo) e Felipe Saraiva; Felipe Cardoso e Silvinho (Vitinho). Técnico: Eduardo Baptista

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos