Dorival vê "perfeição" em Diego Souza e banca garotos: "darão frutos"

Do UOL, em São Paulo (SP)

Diego Souza marcou pela primeira vez com a camisa do São Paulo. Nesta quarta-feira, o camisa 9 abriu a contagem para a vitória por 2 a 0 sobre o Mirassol, na terceira rodada do Campeonato Paulista. Foi o primeiro triunfo do Tricolor no Estadual e o principal reforço da temporada foi essencial. A atuação deixou o técnico Dorival Júnior empolgado.

"Ele foi contratado para isso. É questão de tempo a adaptação. Ele tem potencial para jogar ali, mas pode ser meia também. É um jogador que pode fazer diversas funções em campo e é tudo o que queremos. Em um primeiro momento, pelo sistema que implantamos, ele faz o trabalho com perfeição", exaltou o treinador.

Dorival também celebrou o bom trabalho dos garotos que lançou durante a partida desta quarta. Lucas Fernandes, Caique e Paulinho Boia foram acionados, deram mais agressividade ao time e dois deles participaram dos gols são-paulinos. Boia iniciou a jogada do primeiro tento, de Diego Souza, enquanto Lucas deu assistência para Marcos Guilherme ampliar. Caique criou três chances claras de marcar.

"A oportunidade está aí e cada um precisa abraçar da melhor forma, para que a gente evite sair para o mercado no desespero. A torcida precisa entender que a garotada tem qualidade e pode dar muitos frutos para o elenco principal", destacou.

Dorival agora espera a resposta dos jogadores após um jogo intenso em Mirassol para saber quem enfrentará o Corinthians, às 17h de sábado, no Pacaembu. A ideia do técnico é repetir o time no primeiro clássico do ano: "Vamos deixar as coisas caminharem, ver a recuperação dos jogadores para o clássico de sábado. O tempo de recuperação é pouco. Vamos monitorar tudo e tomar a decisão. Penso em manter a equipe que vem atuando e que ela possa fazer um grande jogo".

Crise com Cueva

Não vou falar nada sobre Cueva. É um assunto que Raí (diretor-executivo de futebol) pode falar melhor. Temos de falar das coisas boas, do grande jogo de hoje (quarta) e da decisão da Copa São Paulo nesta quinta-feira (entre Tricolor e Flamengo). Estava tranquilo porque o time estava jogando bem. É um esporte coletivo, tudo pode acontecer, mas saímos merecedores do resultado por tudo o que fizemos. A evolução acontece. Jogamos um grande jogo com o Novorizontino. É que quando o gol não sai não percebem. Volto a falar que o time vai oscilar ainda. É uma garotada entrando. É ter paciência para achar um bom time.

Análise da vitória

Foi um grande jogo. Fizemos uma boa partida, determinada e criando inúmeras oportunidades. Trabalhamos bola, infiltrações, troca de passes... acho que a torcida percebeu que tem um time que estava tentando jogar. Infelizmente, não passa pelo treinador colocar a bola para dentro. Tem de ter paciência, as coisas vão acontecer. O time fez um grande jogo. Estava confiante que o gol sairia a qualquer momento
 

De olho nos garotos da Copinha

Não estão verdes, tanto é que queria que mais alguns ficassem e não disputassem a Copinha. Eles seriam importantes aqui como estão sendo lá, com uma decisão bonita contra o Flamengo, outro time de futebol vistoso. Tem mais garoto sendo observado.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos