Blindados fora, novos Meninos da Vila viram protagonistas dentro de campo

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Daniel Vorley/AGIF

    Atacante Rodrygo é a principal revelação do Santos nesta temporada

    Atacante Rodrygo é a principal revelação do Santos nesta temporada

Destaque nos últimos jogos, especialmente no clássico com o Corinthians, a nova geração de Meninos da Vila pede passagem no time de Jair Ventura. Rodrygo, Diogo Vitor, Arthur Gomes e companhia viraram protagonistas e são as principais apostas do técnico Jair Ventura para o duelo contra o Novorizontino nesta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), em Novo Horizonte, pela 11ª rodada do Campeonato Paulista. Fora de campo, no entanto, pouco se ouve falar dos garotos, "blindados" pela diretoria. 

Nesta quarta a missão deles será especial. Confiante na nova geração, Jair decidiu poupar Gabigol, Copete e David Braz temendo lesões no início desta temporada. Na próxima semana, o Santos volta a atuar pela Copa Libertadores da América, diante do Nacional-URU, no Pacaembu, e nem pode pensar em tropeços, pois já perdeu para o Real Garcilaso, do Peru, na estreia.

Jair acredita que Rodrygo, Arthur Gomes e Diogo Vitor podem dar "conta do recado" contra o Novorizontino. O centroavante Yuri Alberto deve ser outra novidade e iniciar o duelo como titular. Apesar de confiarem na nova geração de Meninos da Vila, comissão técnica e diretoria são cautelosas com os garotos fora de campo. Eles "blindam" os meninos por um único motivo: evitar badalações.

Rodrygo, considerado a nova "joia" santista, ainda não concedeu nenhuma entrevista exclusiva desde que despontou no início do Campeonato Paulista, marcando dois gols em dois jogos consecutivos. Procurado pelo UOL Esporte, o clube alega que preocupa-se não apenas com a formação técnica, mas sim tudo que envolve seus atletas. Por isso busca o equilíbrio na exposição de seus jovens jogadores.

Internamente, a cúpula santista alega que ficou preocupada com a repercussão em cima de Rodrygo, que estava sendo comparado a Neymar. Por conta disso os dirigentes decidiram vetar a exposição. O jogador só fala em saídas de campo, ainda assim acompanhado de perto da assessoria do clube. 

O mesmo procedimento já foi adotado para o meia-atacante Diogo Vitor, autor do gol de empate no clássico contra o Corinthians no último domingo, no Pacaembu. Neste caso, além de evitar a badalação, o Santos tenta "blindar" o jogador de se expor em relação ao seu passado. O meia tem carreira bastante polêmica, coleciona diversos sumiços no clube e foi rebaixado para o time B pelo técnico Dorival Júnior em 2016 por conta de polêmicas e atrasos no treino.

A assessoria de imprensa particular dos jogadores não criou problemas, mas entende que a situação não é ideal e tenta modificar o cenário. Os profissionais que trabalham com os garotos consideram a blindagem "exagerada" e argumentam que, com meses de profissional, eles saberiam lidar com a situação.

Como foi nas outras gerações de Meninos da Vila?

Historicamente, o Santos sempre foi cauteloso com suas revelações nos primeiros meses, abrindo mão da blindagem em seguida.

Neymar, por exemplo, foi revelado em 2009, quando marcou seu primeiro gol como profissional, mas só passou a ter mais liberdade no ano seguinte. Em 2010, já titular e em alta, o craque da seleção brasileira concedeu entrevistas exclusivas um dia após o polêmico clássico contra o Corinthians, na Vila Belmiro, pelo Campeonato Paulista, quando aplicou um chapéu com o "jogo parado" no zagueiro Chicão. Na entrevista, prometeu outro chapéu no defensor.

Dodô pode estrear pelo Santos

Além dos poupados, outra novidade na lista de relacionados foi o lateral esquerdo Dodô, atleta que pertence a Sampdoria, da Itália, mas ficará por empréstimo no clube paulista até o fim deste ano. O jogador pode, inclusive, atuar como titular contra o Novorizontino.

No treino da última terça-feira, no CT Rei Pelé, Dodô fez exercício separado do restante dos reservas, e integrou o grupo de Yuri Alberto, Gustavo Henrique, Vitor Bueno e Arthur Gomes, todos que devem sair jogando.

FICHA TÉCNICA

NOVORIZONTINO X SANTOS

Data: 7 de março de 2018, quarta-feira
Local: Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte (SP)
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho
Assistentes: Daniel Luis Marques e Luiz Alberto Andrini Nogueira

Novorizontino: Oliveira; Tony, Éder, Anderson Salles e Tiago Costa; Jean Patrick, Adilson Goiano e Jean Carlos; Juninho, Alisson Safira e Cléo Silva.
Técnico: Doriva

Santos: Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Dodô; Alison, Renato (Léo Cittadini) e Vitor Bueno; Arthur Gomes, Rodrygo e Yuri Alberto.
Técnico: Jair Ventura

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos