Demora em julgamento de Jailson gera farpas entre Palmeiras e TJD

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • Mauro Horita/Estadão Conteúdo

    Jailson está fora do duelo desta quarta-feira contra o Novorizontino, no Allianz Parque

    Jailson está fora do duelo desta quarta-feira contra o Novorizontino, no Allianz Parque

A punição de três jogos para Jailson, que vai perder o duelo desta quarta-feira contra o Novorizontino pelas quartas de final do Paulistão, gerou reclamações dos torcedores do Palmeiras. A principal queixa corresponde à demora no julgamento, ocorrido três semanas depois da expulsão contra o Corinthians. Nesta quarta-feira, o presidente do Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo, Antônio Olim, deu sua versão sobre a janela de tempo entre o ato e a decisão.

Em entrevista concedida ao Fox Sports, o mandatário do tribunal culpou o Palmeiras pela demora no julgamento de Jailson, que só retorna ao time no segundo jogo de uma possível semifinal de competição. Dudu e Felipe Melo também entraram em pauta, mas acabaram absolvidos.

"O Palmeiras pediu adiamento a primeira vez, foi adiado (do dia 5 para o dia 6, já que o time jogava contra o São Caetano no dia 5). O Palmeiras jogou e queria adiar de novo (do dia 6 para o dia 12); depois, queria adiar pela terceira vez e negamos", disse Olim.

Também para a Fox Sports, o advogado do Palmeiras, André Sica, acusou o TJD de ter estendido sem motivos o prazo para julgar Jailson. Sica afirmou que o julgamento do goleiro pelo lance da expulsão (pelo qual ele pegou dois jogos de gancho no dia 19) poderia ter acontecido no dia 12, mas o TJD decidiu adiá-lo por causa de um ofício enviado pelo presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, que também seria ouvido naquele dia, mas não pôde comparecer.

"O Tribunal atrasou por conta própria por causa do ofício que o presidente do Corinthians enviou. No fim, o Andrés Sanchez sequer foi ouvido", disse Sica.

Ainda no programa, Olim discutiu com o comentarista Flávio Gomes, que criticou duramente a atuação dos tribunais esportivos. O presidente do TJD chegou até a ofender profissionalmente o jornalista da Fox Sports. "O senhor é um repórter porcaria que é mal informado. Primeiro, procure saber como funciona para depois dar a sua opinião."

O Palmeiras vai contar com Fernando Prass como titular no jogo desta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), contra o Novorizontino, no Allianz Parque. O goleiro retorna à meta em virtude da suspensão de Jailson. O time alviverde carrega uma enorme vantagem pela vitória de 3 a 0 no jogo de ida.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos