Topo

Esporte


Corinthians usa gafes com Carille e venda de ingressos para provocar rival

Diego Salgado e José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

29/03/2018 00h29

A polêmica envolvendo Fábio Carille e Diego Aguirre na primeira semifinal do Campeonato Paulista virou provocação alvinegra com a classificação à final do Paulistão. Após o Corinthians eliminar o São Paulo nos pênaltis, nesta quarta-feira, os telões da Arena Corinthians exibiram uma hashtag em alusão ao entrevero entre treinadores: #RespeitaOProfessor.

reprodução/Instagram
Imagem: reprodução/Instagram

Depois da partida do último domingo, no Morumbi, o técnico do Corinthians reclamou que não foi cumprimentado por Aguirre antes do apito inicial e chamou o uruguaio de "cara de pau". O treinador do São Paulo confirmou o episódio, mas alegou que estava concentrado no clássico e não o reconheceu.

Antes da partida desta noite, em Itaquera, Carille visitou o vestiário do São Paulo e entregou presentes a Aguirre, que retribuiu a gentileza.

No Twitter, mais provocação. Em seu perfil nas redes sociais, o Corinthians usou a gafe da Total Acesso, empresa que comercializa ingressos de jogos do São Paulo na internet e equivocadamente "antecipou" a comercialização de entradas para a partida de ida da final do Paulistão, contra o Palmeiras, no próximo sábado (confira abaixo a postagem).

"Eles puseram ingresso da final para vender. Deve ser a do ano que vem", cutucou Andrés Sanchez, presidente do Corinthians, em entrevista ao canal SporTV.

Pelo lado do São Paulo, o UOL Esporte apurou que a diretoria tricolor determinou que, qualquer fosse o resultado em Itaquera, os perfis dos clubes nas redes sociais não seriam usados como canal para provocações ao rival.

Mais Esporte