Cássio se irrita com pergunta sobre falha em gol: "Não pode escorregar?"

Do UOL, em São Paulo

Cássio não viveu grandes momentos neste sábado (31), na derrota do Corinthians para o Palmeiras por 1 a 0, em Itaquera, no primeiro jogo da final do Campeonato Paulista . O goleiro corintiano escorregou durante cruzamento a sua área e não conseguiu se recuperar a tempo de parar chute de Borja. Perguntado sobre o lance, o camisa 12 se irritou na zona mista.

"Não pode escorregar? Jogo é jogo... Está querendo criar polêmica onde não tem. Eu escorreguei, como pode falar que foi falha?", rebateu Cássio após pergunta feita pela Rádio Bandeirantes.

"Isso é criar polêmica onde não tem", repetiu o goleiro, que explica o lance de seu ponto de vista. "A bola bateu no travessão, voltou, e eu acabei caindo. O Willian acabou cruzando rapidamente, a gente não conseguiu marcar e o Borja fez o gol", resume.

Foi o único gol de um clássico nervoso, pegado, com 50 faltas e 12 cartões. Além da profusão de faltas, houve confusão generalizada pouco antes do intervalo, da qual Felipe Melo e Clayson saíram expulsos. Cássio entende que parte da violência da partida é culpa do próprio árbitro Leandro Bizzio Marinho.

"No jogo mais falado dos estaduais tem que botar árbitro de pulso. Não teve nada que decidiu, mas atrapalhou o jogo. Qualquer lance ele dava cartão amarelo, porque estava nervoso. Acho que o árbitro poderia ser mais experiente, dava para ter administrado melhor", cobra o goleiro alvinegro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos