"Jogar contra o Corinthians é muito chato", diz Carille

Do UOL, em São Paulo

  • Rodrigo Gazzanel;Ag. Corinthians

    Carille em ação durante jogo do Corinthians contra o Palmeiras

    Carille em ação durante jogo do Corinthians contra o Palmeiras

Jogar contra o Corinthians é chato. É isso que disse Fábio Carille, técnico do time, nesta segunda-feira (9), um dia depois de se tornar bicampeão paulista. De acordo com o treinador, a tranquilidade da equipe incomoda os adversários.

"A forma tática de jogar acabei não encontrando. Mas as ideias são muito claras na cabeça do jogador. Sei que jogar contra o Corinthians é muito chato. Bola na trave, Cássio fazendo defesas, e o time tranquilo. É um time que não se acomoda com o que aconteceu. Não se acomoda com que vem acontecendo e quer mais", disse Carille, em entrevista ao SporTV.

De acordo com o treinador, o processo de construção do elenco campeão tem duas partes fundamentais: a continuidade da filosofia do Corinthians e o entendimento do técnico em relação às características do elenco.

"São as duas situações. Primeiro, uma filosofia do Corinthians. É o 11º ano com essa ideia, e os números mostram que isso pode dar certo. São títulos importantes. E também pelas características. O mais importante é saber o que esse grupo pode me dar, e os jogadores entenderem também. Tentei uma ideia nova contra o São Paulo, de limpar a área na bola parada, e os jogadores não se sentiram confiantes", admitiu.

O Corinthians se sagrou campeão paulista nesse domingo (8), ao vencer o Palmeiras por 4 a 3 nos pênaltis após vitória por 1 a 0 no Allianz Parque.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos