Topo

Futebol


Após polêmica em título corintiano, Paulista terá VAR a partir do mata-mata

THIAGO BERNARDES/FRAMEPHOTO/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO
Paulista de 2019 terá árbitro de vídeo após polêmica na decisão deste ano Imagem: THIAGO BERNARDES/FRAMEPHOTO/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO

Danilo Lavieri e Pedro Lopes

Do UOl, em São Paulo (SP)

2018-10-23T12:48:02

23/10/2018 12h48

O Campeonato Paulista de 2018 terminou nos tribunais depois de intensa polêmica sobre o comportamento da arbitragem na decisão entre Palmeiras e Corinthians, vencida pelos corintianos. Para evitar um novo problema desta magnitude, a Federação Paulista de Futebol (FPF) anunciou que a edição de 2019 do torneio vai contar com o árbitro de vídeo (VAR).

Os árbitros terão a tecnologia à disposição a partir das quartas de final, quando se inicia a fase mata-mata com os oito melhores times da competição.

Todo o custo operacional do VAR será de responsabilidade da Federação Paulista, segundo divulgou a própria entidade nesta terça-feira, durante o sorteio dos grupos para o torneio do ano que vem.

Além do VAR, o Paulistão terá nova alteração significativa em seu regulamento. Prática comum de equipes do interior nos últimos anos, a “venda do mando de campo” está vetada, embora os clubes possam alterar seu local de mandante e ainda mandar partidas na mesma cidade do adversário.

Cada time pode contar com 26 jogadores (23 atletas de linha e três goleiros) e um número ilimitado da base (sub-21 que tenham registro de pelo menos um ano no clube).

O regulamento básico da competição também segue o mesmo. Os 16 participantes foram divididos em quatro grupos, e cada time enfrentará apenas adversários das outras chaves.

O líder e o vice-líder de cada grupo avançam e se enfrentam na fase quartas de final, em duelos de ida e volta. As semifinais também terão dois jogos, assim como a grande decisão. O campeão do estadual paulista receberá um prêmio de R$ 5 milhões.

Confira os grupos do Campeonato Paulista de 2019:

Grupo A: Ponte Preta, Red Bull, São Caetano e Santos
Grupo B: Guarani, São Bento, Novorizontino e Palmeiras
Grupo C: Mirassol, Ferroviária, Bragantino e Corinthians
Grupo D: Oeste, Ituano, Botafogo-SP e São Paulo

Mais Futebol