UOL Esporte Campeonato Pernambucano
 
08/04/2010 - 07h00

Náutico quer acabar com a crise e se classificar à semifinal do Pernambucano

Filipe Grecco
Em São Paulo

Um dia após comemorar 109 anos de sua fundação o Náutico entra em campo no encerramento da nona rodada do segundo turno do Campeonato Pernambucano. Na noite desta quinta-feira, a equipe enfrenta o Central, às 20h30 (de Brasília), no estádio dos Aflitos, buscando a vitória para por um ponto final à crise e garantir matematicamente vaga à semifinal da competição.

O NÁUTICO NO TWITTER

Caso conquiste os três pontos o Náutico chegará aos 37 no Campeonato Pernambucano e assume a vice-liderança, já que o Santa Cruz-PE apenas empatou com o Vitória-PE, por 1 a 1, na última quarta-feira e chegou aos 36 tentos.

Para este confronto o técnico Alexandre Gallo não poderá contar com o volante Derley e o meia Zé Carlos, ambos de suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Por outro lado, ficam a disposição do treinador o atacante Carlinhos Bala e os zagueiros Vinícius e Ediglê. Já o volante Hamilton ainda é dúvida, mas deve ficar como opção no banco de reservas.

Gallo já definiu o time que entra em campo com cinco mudanças com relação ao time que foi derrotado pelo Vitória, por 3 a 2, no último domingo. Porém, a alteração mais significativa está no esquema tático do time que deixa de atuar com três zagueiros, no 3-5-2, e passa a jogar com apenas dois, no 4-4-2.

Com isso, Gomes será adiantado e fará dupla de volante com Ramirez, que volta ao time após ficar dois meses fora se recuperando de lesão. Na zaga Vinícius é a novidade ao lado de Diego Bispo. Tinga será improvisado na lateral esquerda, Carlinhos Bala vai ser responsável pela armação da equipe e Bruno Meneghel entra no lugar de Geílson. Mesmo com tantas mudanças o treinador está confiante em conquistar os três pontos.

“Temos que entrar com pensamento positivo e buscar a vitória. Com os três pontos ficaremos entre os classificados para as semi, que é nosso objetivo. Faremos o jogo em casa, e contaremos com o apoio da torcida”, declarou o treinador, que diferentemente de suas expectativas não terá o apoio dos torcedores, pelo menos as organizadas, que preparam um protesto contra o desempenho da equipe dentro e fora de campo.

Já o Central vem motivado depois de vencer o Clássico de Caruaru, diante do Porto, por 2 a 0 e ainda estar na briga pela classificação. A equipe precisa bater o Náutico para chegar aos 31 pontos igualando assim a mesma pontuação da Cabense, que bateu o Porto-PE, por 2 a 0, na abertura da rodada. Ainda na quarta-feira, o Sport empatou por 2 a 2 com o Ypiranga-PE, mesmo placar de Sete de Setembro x Araripina. Já Vera Cruz e Salgueiro terminaram empatados sem gols.

NÁUTICO X CENTRAL

Data: 08/04/2010 (quarta-feira)
Horário: 20h30 (de Brasília)
Local: estádio dos Aflitos, em Recife
Árbitro: Carlos Costa
Auxiliares: Pedro Wanderley e Alcides Lira

Náutico
Gustavo, Daniel, Bispo, Vinícius e Tinga, Gomes, Ramirez, Dinda e Bala, Meneghel e Rodrigo Dantas
Técnico: Alexandre Gallo

Central
Isaias; Giovani, Sidnei, Paiva e Pintado; Fernando, Elton, Diego e Dinho; Paulão e Rafinha
Técnico: Adelmo Soares

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host