Náutico vence Central e conquista título Pernambucano depois de 14 anos

Do UOL, em São Paulo

O Náutico conquistou um feito histórico e quebrou o maior jejum de títulos de um time grande do Nordeste. A equipe venceu o Central por 2 a 1 e levantou o troféu do Campeonato Pernambucano depois de 14 anos. O último título havia sido em 2004.

O Náutico precisava de uma vitória simples, já que o primeiro jogo da decisão havia terminado empatado por 0 a 0 em Caruaru. Neste domingo, a equipe apostou na força ofensiva do atacante Ortigoza, que chegou nesta temporada.

O jogo começou quente e logo no início houve um princípio de confusão por causa de uma entrada dura, mas o árbitro Nielson Nogueira Dias controlou a situação. O Náutico chegou com boas chances nos minutos iniciais e logo fez vale a sua força.

Aos 43 minutos do primeiro tempo, Ortigoza recebeu dentro da área e bateu de primeira. A bola desviou na zaga e foi para o fundo das redes. Já no segundo tempo, aos 12 minutos, foi a vez de Jobson balançar as redes. Ele recebeu de Rafael Assis, tirou dois adversários da jogada com um drible e bateu cruzado. O Central ainda diminuiu com 26 minutos do segundo tempo com Leandro Costa.

A conquista do Náutico levou a torcida ao delírio, especialmente pela trajetória da equipe no campeonato que não dava indícios de que o título, enfim, seria conquistado. O Náutico havia sido goleado pelo próprio Central por 3 a 0. No entanto, o Náutico conseguiu se recuperar e bateu o rival Sport também por 3 a 0, resultado que deu bastante moral à equipe.

UOL Cursos Online

Todos os cursos