UOL Esporte Campeonato Português
 
19/02/2010 - 14h57

Hulk é suspenso por quatro meses por briga em clássico com Benfica

Das agências internacionais
Em Lisboa (Portugal)

A comissão disciplinar da Liga Portuguesa puniu Hulk com rigor. Nesta sexta-feira, o órgão suspendeu o atacante por quatro meses por seu envolvimento em uma briga no clássico contra o Benfica, no ano passado.

O incidente ocorreu em 20 de dezembro logo após a partida, vencida pelo Benfica por 1 a 0, no estádio da Luz. No caminho para os vestiários, alguns jogadores do Porto se desentenderam com seguranças e trocaram agressões.

O defensor Cristian Sapunaru, que hoje atua no Rapid Bucareste e também se envolveu na briga, foi suspenso por seis meses. Tanto o romeno como Hulk já estavam suspensos de forma preventiva.

O atacante brasileiro só teria condições de voltar a jogar pelo Porto nas últimas partidas desta temporada. A equipe deve recorrer das punições impostas aos seus jogadores.

Hélton, goleiro do Porto, livrou-se de uma punição. O jogador foi flagrado por câmeras de emissoras de tevê no meio da confusão, mas o processo contra ele foi arquivado “por não ter apoio em qualquer prova testemunhal”. “Ele foi um dos elementos apaziguadores”, disse Ricardo Costa, presidente da comissão disciplinar da Liga Portuguesa.

O Benfica recebeu uma multa de 1,5 mil euros por “conduta negligente”. Segundo a comissão disciplinar, o clube foi punido “pela violação do dever de manter a segurança numa zona do recinto desportivo.”

No Campeonato Português, o Porto ocupa a terceira posição com 40 pontos, nove a menos do que o líder Benfica – que tem uma partida a mais.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host