Copa 2018

Euforia das Eliminatórias x Tensão a cem dias da Copa. Tite tinha razão!

Eduardo Anizelli/Folhapress
Tite e Rogério Micale conversam após treino da seleção olímíca Imagem: Eduardo Anizelli/Folhapress

Danilo Lavieri

Do UOL, em São Paulo

06/03/2018 04h00

Pode parecer estranho, mas o Brasil já esteve mais preparado para a Copa do Mundo do que está agora. A cem dias da estreia do Mundial, a seleção dá razão a Tite, que em outubro de 2017, no auge da euforia com o time que havia acabado de vencer as Eliminatórias, falava que queria que a "Copa fosse disputada agora". 

A visão era compartilhada com o grupo. Por mais de uma vez, Tite e seus jogadores admitiram durante os jogos contra os sul-americanos que viam o time no momento ideal para entrar no principal torneio de seleções do mundo. Embalado, o Brasil alcançou nove vitórias seguidas, recuperou o primeiro lugar do ranking da Fifa e entrou em sintonia com a torcida, apresentando bom futebol ao longo da competição que garantia vaga na Rússia.

Paulo Whitaker/Reuters
Neymar deixa BH de muletas após cirurgia no pé Imagem: Paulo Whitaker/Reuters

O tempo passou e mostrou aos brasileiros muito mais dúvidas do que as que eram levantadas naquela época, repetindo cenário que já foi visto nos últimos três Mundiais. A principal aflição do time no momento é a lesão de Neymar.

O atacante passou por procedimento cirúrgico no último fim de semana e agora vive uma batalha entre estafe, clube e seleção sobre o jeito correto de se recuperar. Alguns apostam na volta apenas nos amistosos pré-Mundial. Outros gostariam de ver o craque em ação ainda pelo PSG. A incerteza que cerca o melhor jogador do time tem a mesma origem da dúvida jogada em cima de outro atleta que era apontado como titular absoluto ao fim das Eliminatórias: Gabriel Jesus.

O atacante também operou o pé após uma lesão e começou a voltar aos gramados só agora, quase dois meses depois de parar. Na reta final para a preparação, o camisa 9 não tem nem mais a garantia de titularidade no Manchester City. Neste caso, no entanto, há uma compensação.

Rui Vieira/AP
Roberto Firmino comemora após marcar pelo Liverpool contra o West Ham Imagem: Rui Vieira/AP

Inglaterra dá "presentes" ao Brasil

Roberto Firmino vive em ascensão na Europa e ganha cada vez mais importância no Liverpool. O brasileiro tem feito gols e dado assistências e garantiu a vaga na Copa, como o próprio Tite afirmou ao UOL Esporte.

Também no Campeonato Inglês, Willian vive um dos seus melhores momentos no Chelsea e serve como uma excelente substituição para Neymar nos amistosos contra Alemanha e Rússia.

Espanha põe brasileiros em dúvida

Em contrapartida, outras duas peças fundamentais de Tite que já tiveram seus dias na Inglaterra estão em queda. Depois de um início arrasador no Barcelona, com direito até a comparação de fase de artilharia com Cristiano Ronaldo, Paulinho começa a ter a sua titularidade questionada.

Ao seu lado, Philippe Coutinho ficou longe de repetir o bom término de passagem que teve pelo Liverpool e ainda não encontrou seu melhor futebol atuando ao lado de Lionel Messi e de Suárez.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Copa 2018

Topo