Topo

Figurinhas da Copa


Pacotes do álbum custarão R$ 2; Panini culpa material e licenças pelo valor

Gabriel Carneiro/UOL
Páginas da seleção brasileira no álbum da Copa do Mundo da Rússia Imagem: Gabriel Carneiro/UOL

Gabriel Carneiro

2018-03-12T13:13:18

12/03/2018 13h13

O álbum de figurinhas oficial da Copa do Mundo de 2018 foi lançado nesta segunda-feira (12). O valor dos pacotes com cinco cromos será de R$ 2, um aumento de 100% em relação à edição de 2014, o que chegou a causar polêmica nas redes sociais.

Durante o lançamento, o CEO da Panini, José Eduardo Severo Martins, justificou o preço por causa dos custos com licenças e materiais para a produção do álbum.

“Essa é uma licença muito cara. Nós temos direitos com a Fifa, um contrato oficial. Depois temos contratos com cada federação e atletas individuais. Temos contratos com todos os países que começam as eliminatórias. É um trabalho que fazemos com cada federação. Esse ano tivemos um aumento do custo das licenças. É uma negociação individual com as federações”, explicou.

“Além de ser um produto caro, é um produto que usa material cotado em dólar. Ao ler os jornais, você vê que o preço da fibra do papel tem aumentado. O silicone que é usado na produção do adesivo é cotado em dólar. A tinta que faz a impressão dos papéis também é cotada em dólar. É um produto caro em dólar e o Brasil teve uma desvalorização cambial de 2014 para cá que nos forçou a ter um aumento no preço”, completou.

Martins ressaltou que o valor é metade do comercializado na Europa e nos Estados Unidos, se olhar apenas pela cotação das moedas. No continente europeu, o pacote de figurinhas custará 1 euro. Já no país norte-americano, o valor será de US$ 1.

O álbum de figurinhas da Copa contará com 682 figurinhas e chegará às bancas no dia 20 de março. Cada pacote virá com cinco cromos. O álbum custará R$ 7,90, com a edição em capa dura saindo pelo valor de R$ 49,90.