Copa 2018

Alemanha fica no empate em amistoso contra Espanha antes de encarar Brasil

@DFB_Team_EN/Twitter
Rodrigo marcou para a Espanha, mas Thomas Müller (foto) fez para os alemães em casa Imagem: @DFB_Team_EN/Twitter

Do UOL, em São Paulo

23/03/2018 18h37

A Alemanha empatou seu último jogo antes de reencontrar a seleção brasileira. Em amistoso nesta sexta-feira (23) na Esprit Arena, em Dusseldorf, a atual campeã do mundo recebeu a Espanha e ficou no 1 a 1, com gols ainda no primeiro tempo.

Os espanhóis, que estão no Grupo B da Copa do Mundo de 2018, abriram o placar graças a Rodrigo. Já a Alemanha, que divide o Grupo F com México, Suécia e Coreia do Sul, empatou com Thomas Müller.

A Alemanha volta a entrar em campo na próxima terça-feira (27), quando faz o citado amistoso com a seleção brasileira no Estádio Olímpico de Berlim às 15h45 (horário de Brasília). No mesmo dia, a Espanha recebe a Argentina no Wanda Metropolitano, estádio do Atlético de Madri.

Marca histórica para Sergio Ramos

O jogo diante da Alemanha foi especial para o zagueiro Sergio Ramos, que completou 150 partidas a serviço da seleção espanhola. Bicampeão da Eurocopa (2008 e 2012), o defensor - convocado pela primeira vez em 2005 - foi também campeão da Copa do Mundo de 2010.

'Brasileiro' abre o placar para a Espanha

Coube a um jogador nascido no Brasil abrir o placar para a Espanha em Dusseldorf: Rodrigo, natural do Rio de Janeiro. Aos 6 min do primeiro tempo, o atacante do Valencia recebeu o passe de Andrés Iniesta pela esquerda, invadiu a área e tocou na saída do goleiro Marc Ter Stegen.

No intervalo, Rodrigo acabou substituído. Em seu lugar, entrou Saúl Ñíguez, atacante do Atlético de Madri que teve apenas uma boa chance.

E lá vem eles de novo: gol da Alemanha

A Espanha era melhor, tocava mais a bola e criava boas chances. Mas a Alemanha não desperdiçou a primeira boa oportunidade que criou.

Aos 35 min do primeiro tempo, os alemães trocaram passes na entrada da área até que aparecesse um espaço. Quando ele apareceu, de frente para o gol, Thomas Müller bateu da entrada da área e venceu o goleiro David de Gea.

Alemanha pressiona em busca da virada

De quebra, a Alemanha rodou a bola e quase virou no início do segundo tempo. No entanto, o chute de Julian Draxler aos 2 min da etapa final parou na bela defesa de mão trocada de De Gea. Mesut Özil também teve oportunidade aos 5 min, mas chegou chutando fraco e parou no goleiro.

A Espanha respondeu, com chances de Jordi Alba aos 10 min e Isco aos 12 min - em ambas, Ter Stegen apareceu para evitar o gol. Em compensação, aos 13 min, Özil chutou rasteiro e obrigou De Gea a se esticar para tirar a bola no cantinho direito, espalmando para escanteio.

No vacilo da defesa, Diego Costa quase marca

A Espanha também ameaçou e esteve perto do 2 a 1. Aos 30 min, em um erro da saída de bola germânica, Dani Carvajal roubou a bola pela direita e tocou na área para Diego Costa. O atacante recebeu em meio à defesa desarrumada, mas hesitou na hora de bater a gol e acabou bloqueado por Jérôme Boateng. No rebote, Ñíguez arriscou da entrada da área e mandou por cima do gol.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Copa 2018

Topo