Copa 2018

Ex-Barcelona recorre ao TAS para defender Marrocos na Copa do Mundo

Albert Gea/Reuters
Munir El Haddadi já defendeu a Espanha, mas tenta validar nacionalidade marroquina para o Mundial Imagem: Albert Gea/Reuters

Da AFP, em Lausanne (Suíça)

10/04/2018 15h58

O atacante Munir El Haddadi, emprestado pelo Barcelona ao Alavés na temporada 2017/2018 e que defendeu a Espanha em uma oportunidade, quer disputar a Copa do Mundo da Rússia em 2018 com a camisa do Marrocos e para isso entrou com recurso no Tribunal Arbitral do Esporte, anunciou nesta terça-feira o TAS.

El Haddadi, de 22 anos, vestiu a camisa espanhola na vitória por 5 a 1 sobre a Macedônia em 2014, pelas eliminatórias da Eurocopa de 2016. O jogador apelou ao TAS por uma decisão da Fifa do último mês de março, desfavorável ao atacante.

A comissão do estatuto do jogador da Fifa tinha negado o pedido de dupla nacionalidade espanhola e marroquina para El Haddadi defender o Marrocos.

O jogador e a federação marroquina de futebol, que entraram ao TAS para apelar a decisão, desejam que o tribunal tenha uma definição em meados de maio, a um mês da Copa do Mundo. Espanha e Marrocos se enfrentam na primeira fase do mundial no grupo B, ao lado de Irã e Portugal.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Copa 2018

Topo