Copa 2018

"Hino da França chama à guerra e eu não gosto disso", diz Benzema

Júlio César Guimarães/UOL
25.jun.2014 - Benzema não canta o hino francês antes da partida contra o Equador, no Maracanã Imagem: Júlio César Guimarães/UOL

Do UOL, em São Paulo

17/04/2018 12h34

Mesmo fora da seleção francesa há três anos, uma característica de Kazim Benzema sempre chamava a atenção em jogos da equipe. O atacante jamais cantava A Marselhesa, o hino de seu país.

Em entrevista à revista Vanity Fair, o jogador do Real Madrid revelou o motivo de permanecer em silêncio. "Se escutarmos bem, A Marselhesa chama a fazer guerra, e eu não gosto disso."

Benzema passou a não fazer mais parte dos planos de Didier Deschamps em 2015, após se envolver num escândalo com o meia Mathieu Valbuena, em que o atacante do Real pediria 150 mil euros para um grupo não tornar público um vídeo com imagens íntimas do meio-campista com a namorada.

O atacante do Real, que alegou querer apenas ajudar Valbuena, afirmou que sua ausência da seleção não é algo que se trata de uma escolha técnica. "Quando um primeiro ministro fala de você, já não é futebol. Acho que não há que misturar futebol e política. No meu caso é um assunto político."

Mesmo assim, ele deixou as portas abertas para voltar à seleção francesa. "Já tenho 30 anos e dois filhos. Estou tranquilo aqui. Se me quiserem, sabem onde eu estou."

Ainda sobre o escândalo, o jogador, que chegou a ficar preso por um dia, afirmou que se recuperou também por conta de Florentino Pérez, presidente do Real Madrid. "Depois de passar um dia na cadeira, voltei a Madri muito triste. Florentino me esperou em Valdebebas e me deu todo o seu carinho."

Criticado pela imprensa espanhola nos últimos jogos, Benzema afirmou que procura não acompanhar o que é dito pela mídia de Madri. "Se jogo mal, não preciso da imprensa para saber".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Copa 2018

Topo