Copa 2018

Dominada por Sul e Sudeste e com 1º "chinês": veja censo da seleção de Tite

REUTERS/Ricardo Moraes
O técnico Tite durante convocação da seleção brasileira à Copa da Rússia Imagem: REUTERS/Ricardo Moraes

Thiago Rocha

Do UOL, em São Paulo

14/05/2018 22h00

Revelados os 23 convocados por Tite para a Copa da Rússia, a seleção brasileira que buscará o hexa a partir de 17 de junho, data da estreia contra a Suíça, em Rostov, reúne características curiosas. Será predominantemente sulista, com apenas um nordestino no grupo. Também não terá ninguém que atue na Alemanha, país referência em qualidade de futebol atualmente. Em compensação, estreará o primeiro "chinês" do Brasil em Mundiais.

Confira a tabela completa e o calendário de jogos
Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
DOC: a Rússia Gay que não pode sair do armário

Baseadas nessas e outras informações ligadas à lista final divulgada pelo treinador nesta segunda-feira (14), o UOL Esporte condensou uma espécie de censo. Confira abaixo os tópicos mais interessantes do levantamento.

Predomínio de nascidos no Sudeste e Sul

Pedro Martins/Mowa Press
Imagem: Pedro Martins/Mowa Press

Tradicional polo formador de jogadores, a região Nordeste do país terá apenas um filho ilustre na Copa da Rússia: o alagoano Roberto Firmino, nascido em Maceió. É o menor número desde o Mundial de 1994, pelo menos.

Representantes do Norte e do Centro-Oeste também ficaram ausentes da lista final. Dos 23 chamados pelo gaúcho Tite, 15 são oriundos da região Sudeste e sete nasceram no Sul. Veja a divisão geográfica:

Elenco 2018: divisão por região do país

Sul - 7
- 4 gaúchos: Alisson, Cássio, Taison e Douglas Costa
- 1 catarinense: Filipe Luis
- 2 paranaenses: Fernandinho e Miranda

Sudeste - 15
- 9 paulistas: Ederson, Fagner, Marquinhos, Geromel, Casemiro, Paulinho, Willian, Neymar e Gabriel Jesus
- 4 cariocas: Thiago Silva, Marcelo, Renato Augusto e Philippe Coutinho
- 2 mineiros: Danilo e Fred

Nordeste - 1
- 1 alagoano: Roberto Firmino

Convocados nascidos no Sul (desde 1994):
2018: 7
2014: 3
2010: 4
2006: 4
2002: 5
1998: 3
1994: 4

Convocados nascidos no Sudeste:
2018: 15
2014: 16
2010: 15
2006: 14
2002: 11
1998: 13
1994: 13

Convocados nascidos no Nordeste:
2018: 1
2014: 4
2010: 2
2006: 2
2002: 5
1998: 5
1994: 5

Convocados nascidos no Norte:
2018: 0
2014: 0
2010: 0
2006: 0
2002: 0
1998: 1
1994: 0

Convocados nascidos no Centro-Oeste:
2018: 0
2014: 0
2010: 2
2006: 2
2002: 2
1998: 0
1994: 1

Cássio é o gigante. Fagner, o baixinho

Mauro Horita / MoWA Press
Imagem: Mauro Horita / MoWA Press

Com 1,95 metro, Cássio se iguala ao também goleiro Dida como o jogador mais alto a defender o Brasil em Copas recentes. Além dele, outros dois têm 1,90 m ou mais: Alisson e Geromel. Do grupo escolhido por Tite, Fagner é o mais baixo, com 1,68m. A média do elenco é de 1,80m.

Média de altura dos convocados:

2018: 1,80m
2014: 1,81m
2010: 1,82m
2006: 1,81m
2002: 1,80m
1998: 1,72m
1994: 1,71m

Elenco veterano, mas pouco experiente em Copas

Pedro Martins/Mowa Press
Imagem: Pedro Martins/Mowa Press

A média de idade da seleção para o Mundial da Rússia é de 28 anos, mais alta na comparação com 2014. Mas existe um elo entre as equipes de Tite e Felipão: a baixa quantidade de jogadores com experiência em outras Copas: apenas seis. Thiago Silva, Marcelo, Fernandinho, Paulinho, Willian e Neymar são os que chegam à edição de 2018 com rodagem anterior na competição.

Fernandinho, Miranda e Thiago Silva, todos com 33 anos, são os mais velhos do grupo formado nesta segunda-feira. Gabriel Jesus, com 21, é o mais jovem.

Média de idade do Brasil na Copa:
2018: 28
2014: 27,7
2010: 28,6
2006: 28,4
2002: 26,2
1998: 27,3
1994: 27,4

Jogadores com experiências anteriores em Copa:
2018: 6
2014: 6
2010: 9
2006: 13
2002: 7
1998: 7
1994: 9

Paulinho é o mais 'rodado' do elenco

Lucas Figueiredo/CBF
Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Meio-campista do Barcelona, Paulinho é o jogador com mais clubes no currículo entre os convocados por Tite: oito. Além dos catalães, defendeu Vilnius (Lituânia), Lodzki (Polônia), Audax, Bragantino, Corinthians, Tottenham e Guangzhou Evergrande (China). 

Alisson, Fred, Gabriel Jesus e Marcelo são os atletas que jogaram por menos clubes, dois para cada.

Baixa representatividade dos clubes brasileiros

Pedro Martins/MoWa Press
Imagem: Pedro Martins/MoWa Press

Não chega a ser uma novidade, mas a lista de convocados do Brasil é majoritariamente composta por jogadores que atuam no exterior. Tite chamou apenas três que atuam no país: o gremista Geromel e os corintianos Cássio e Fagner, igualando 2006 e 2010, mas que equivale a um quarto do grupo que levou a seleção ao quarto título mundial nos Estados Unidos, em 1994.

Jogadores de clubes brasileiros convocados:

2018: 3
2014: 4
2010: 3
2006: 3
2002: 13
1998: 8
1994: 12

Inglaterra é o país que mais cede jogadores

Pedro Martins/Mowa Press
Imagem: Pedro Martins/Mowa Press

A Premier League foi o campeonato que mais cedeu talentos à seleção brasileira de Tite. Seis dos 23 convocados atuam por clubes da Inglaterra: quatro do Manchester City, atual campeão (Danilo, Ederson, Fernandinho e Gabriel Jesus), um do Chelsea (Willian) e um do Liverpool (Roberto Firmino).

Países dos clubes que cederam os convocados

Inglaterra – 6
Chelsea: Willian
Liverpool: Firmino
Manchester City: Danilo, Ederson, Fernandinho e Gabriel Jesus

Espanha – 5
Atlético de Madrid: Filipe Luis
Barcelona: Paulinho e Philippe Coutinho
Real Madrid: Casemiro e Marcelo

Brasil – 3
Corinthians: Cássio e Fagner
Grêmio: Geromel

França – 3
PSG: Marquinhos, Neymar e Thiago Silva

Itália – 3
Inter de Milão: Miranda
Juventus: Douglas Costa
Roma: Alisson

Ucrânia – 2
Shakhtar Donetsk: Fred e Taison

China – 1
Beijing Guoan: Renato Augusto

Um 'chinês', nenhum 'alemão'

Clive Rose/Getty Images
Imagem: Clive Rose/Getty Images

Pela primeira vez, o Brasil levará à Copa do Mundo um jogador vinculado a um clube da China: Renato Augusto, meia do Beijing Guoan. A seleção não tinha um convocado atuando no futebol asiático desde o Mundial de 1998, quando os volantes Cesar Sampaio (Yokohama Flugels) e Dunga (Jubilo Iwata), ambos no Japão, compuseram o grupo vice-campeão na França. 

País da atual seleção campeã mundial, a Alemanha ficou fora da lista de Tite. Pelo menos desde 1994, o Brasil colocou jogadores da Bundesliga entre os convocados. Quem ficou mais próximo de ser chamado foi Rafinha, lateral do Bayern de Munique, que acabou preterido por Danilo e Fagner.

Colorado e Timão são os que mais 'revelam'

Pedro Martins/MoWa Press
Imagem: Pedro Martins/MoWa Press

Juntos, Corinthians e Internacional são os clubes que mais proporcionaram estreias de convocados por Tite no futebol profissional. Os alvinegros foram a vitrine de Fagner, Marquinhos e Willian, enquanto Alisson, Fred e Taison debutaram com a camisa do Colorado.

Nove campeões pela seleção brasileira no grupo

Flavio Florido/UOL
Imagem: Flavio Florido/UOL

Levando em conta as equipes sub-23 e principal, nove dos 23 convocados à Copa da Rússia conquistaram títulos de expressão pelo Brasil. Seis jogadores foram campeões da Copa das Confederações, em 2009 e/ou 2013: Filipe Luis, Marcelo, Miranda, Thiago Silva, Paulinho e Neymar.

O astro do Paris Saint-Germain também aparece, ao lado de Gabriel Jesus, Marquinhos e Renato Augusto, no elenco que ajudou o Brasil a conquistar a inédita medalha de ouro olímpica para o futebol, nos Jogos do Rio, em 2016.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte - Imagens
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte - Imagens
UOL Esporte - Imagens
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Topo