Copa 2018

Seleção brasileira trabalha para Neymar chegar "como Ronaldo em 2002"

Christophe Simon/AFP Photo
Neymar voltou a treinar com bola no PSG e animou a comissão técnica Imagem: Christophe Simon/AFP Photo

Do UOL, em São Paulo (SP)

17/05/2018 16h02

A seleção brasileira vai começar a trabalhar a partir da próxima segunda-feira na Granja Comary. Uma das maiores dúvidas corresponde às condições físicas de Neymar, que não atua há três meses. A comissão técnica, no entanto, não mostra grande preocupação. A ideia de Tite e companhia é ter o craque nas melhores condições já durante a Copa do Mundo, como Ronaldo em 2002.

Confira a tabela completa e o calendário de jogos
Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
DOC: a Rússia Gay que não pode sair do armário

“Gradativamente ele evoluirá para atingir o auge na Copa do Mundo, pode ser como o Ronaldo em 2002. Não posso afirmar, mas tenho convicção que estará em totais condições”, afirmou o preparador físico Fábio Massaredjian, em entrevista ao Sportv.

Em 2002, Ronaldo recuperou a forma física na preparação da Copa do Mundo e era uma aposta de Luiz Felipe Scolari. No Mundial, o centroavante, que havia sofrido uma grave lesão no joelho um ano antes do Mundial da Coreia do Sul e do Japão, terminou como artilheiro (oito gols) e destaque da competição.

Neymar, por outro lado, se lesionou em março o quinto metatarso do pé direito e operou dias depois. O camisa 10 da seleção de Tite não atuou mais pelo PSG, mas retornou aos trabalhos com o clube na última semana.

“Neymar já vem treinando no PSG, agora começou a treinar com o grupo em campo reduzido. A recuperação está muito bem-feita. Não posso aqui agora afirmar nada, temos que esperar, mas fiquei muito feliz com o treino”, acrescentou o membro da comissão técnica de Tite.

Massaredjian afirmou que conta com Neymar já no primeiro amistoso pré-Copa, marcado para o dia 3, contra a Croácia. Até lá, a comissão também foca no lado psicológico do craque, que admite insegurança neste retorno.

“Todos nós como experimentamos uma dor nova, nos causa insegurança. Toda vez que tem qualquer doença, você sente uma dor diferente, da onde vem essa dor? Mas o Neymar não tem problema de peso. Não haverá problema”, concluiu o preparador físico da seleção.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Copa 2018

Topo